Proença-a-Nova: Unidade Móvel de Saúde e Bibliomóvel apoiam população

Proença-a-Nova

Bibliomóvel e Unidade Móvel de Saúde de Proença-a-Nova na linha de frente no apoio à população

Rede de Solidariedade mantém-se em todo o concelho

A Bibliomóvel – Biblioteca itinerante e a Unidade Móvel de Saúde (UMS) do Município de Proença-a-Nova estão no terreno ao serviço dos munícipes no âmbito da rede de solidariedade do Município, prestando o apoio necessário, além das suas funções já conhecidas.

Todos os dias da semana, os técnicos da Câmara Municipal devidamente identificados percorrerão as aldeias do concelho, em rotas diferentes, para averiguar as possíveis necessidades que possam existir e para evitar que a população incluída no grupo mais vulnerável ao contágio pelo novo coronavírus saia de casa, nomeadamente idosos e pessoas com doenças crónicas.

O Município de Proença-a-Nova, em articulação com as Juntas e Uniões de Freguesia, mantém o interlocutor em cada aldeia para situações de emergência, nomeadamente para verificar a falta de medicamentos ou bens de primeira necessidade.

O número geral da Câmara (274 670 000) continua disponível entre as 9h00 e as 12h30 e das 13h30 às 17h00. Também o telemóvel 939 623 269 – e respetivo WhatsApp – está disponível para contacto com os serviços camarários. Em caso de sintomas, ligue para os serviços de saúde competentes, nomeadamente a linha de saúde 24: 808 24 24 24.

. Covid 19: Ponto de situação do concelho de Proença-a-Nova

Na avaliação realizada esta sexta-feira, 22 de janeiro, pela Comissão Municipal de Proteção Civil, o concelho de Proença-a-Nova regista 38 casos ativos com COVID-19 e 99 em vigilância, para um total de 117 recuperados desde o início da pandemia.

Nos testes realizados na passada quinta-feira, dia 21 de janeiro, na Santa Casa da Misericórdia de Proença-a-Nova, os resultados foram negativos.

O presidente da Câmara Municipal, João Lobo, apela a todos os cidadãos para que “seja um agente de saúde pública. É imperativo que fiquemos em casa, é uma responsabilidade sua, nossa.”

Está em vigor o Estado de Emergência em todo o território nacional e por isso existe o dever de recolhimento obrigatório salvo por motivos de saúde ou por outros motivos de urgência imperiosa. Tendo em conta o fim de semana que se aproxima, relembramos que os cidadãos não podem circular para fora do concelho do domicílio no período compreendido entre as 23:00 h do dia 22 de janeiro de 2021 e as 23:59 h do dia 24 de janeiro de 202. Toda a informação atualizada em: https://covid19estamoson.gov.pt/

 

 

 

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Proença-a-Nova com as tags , , . ligação permanente.