Filhos de colaboradores da Valnor recebem bolsas de estudo

Filhos de colaboradores da Valnor recebem bolsas de estudo

. Bolsas de apoio ajudam na comparticipação dos encargos num curso superior

No âmbito do Programa de Bolsas de Estudo 2020/2021, da Fundação Manuel
António da Mota, foram considerados filhos de 2 colaboradores da Valnor que vão
receber uma comparticipação no valor de 3.000€ .
Este programa destina-se aos filhos dos trabalhadores das empresas do Grupo Mota-Engil
com mais de 5 anos de tempo de serviço, que frequentem um Curso Superior.
As Bolsas de Estudo concedidas aos alunos que ingressem pela primeira vez no ensino
superior são atribuídas aos 9 requerentes que tenham a média mais alta no acesso ao ensino superior.
As restantes bolsas serão atribuídas de acordo com o previsto no Regulamento.

Sobre a Valnor
Mais do que valorizar resíduos, a Valnor valoriza a qualidade de vida das pessoas,
garantindo que os resíduos utilizados são usados ​​como recursos ou encaminhados para o destino mais adequado.

Assim, é referência no setor ambiental no tratamento e valorização de resíduos nos
Municípios de Abrantes, Alter do Chão, Arronches, Avis, Campo Maior, Castelo Branco,
Castelo de Vide, Crato, Elvas, Fronteira, Gavião, Idanha-a-Nova, Mação, Marvão, Monforte, Nisa, Oleiros, Ponte de Sôr, Portalegre, Proença-a-Nova, Sardoal, Sertã,
Sousel, Vila de Rei e Vila Velha de Rodão.
Reforçado pela sua integração no Grupo MOTA-ENGIL e URBASER, a Valnor oferece
recursos com potencial para explorar, num contexto de inovação que abre, no futuro que
está a construir, garantindo uma melhoria da qualidade de vida para as populações.

Com a Valnor, é possível garantir a valorização de resíduos da forma mais sustentável nas
suas diversas áreas de atuação, assegurando padrões ambientais exigentes, práticas sociais
exemplares e a criação de valor.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Destaques com as tags , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *