Programa Cultural da Beira Baixa

Programa Cultural da Beira Baixa

Cultura: o convite para visitar o território da Beira Baixa, em segurança.

A Região da Beira Baixa inicia o desconfinamento da melhor forma apresentando um programa cultural repleto de atividades. Nos meses de julho e agosto poderá participar na rota de visitas guiadas e encenadas, nos ateliês temáticos de cultura e gastronomia e ainda, assistir a festivais de música, de forma gratuita!

As iniciativas culturais a desenvolver no âmbito do projeto “Beira Baixa Cultural”, promovido pela Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa, retomam o seu calendário de ações nos meses de julho e agosto, com um conjunto de atividades nos Municípios de Idanha-a-Nova, Penamacor e Proença-a-Nova.

A Beira Baixa, sendo um dos territórios com povoamento mais antigo do país, é detentora de um vasto e rico património cultural imaterial. A Rota das Visitas Guiadas e Encenadas visa dar a conhecer as experiências e vivências ancestrais através da encenação de estórias, lendas e tradições culturais e gastronómicas caracterizadoras da Beira Baixa. No dia 11 de julho poderá participar na visita guiada e encenada “Os casamentos de antigamente”, em Proença-a-Nova e no dia 18 de julho em Penamacor, na visita guiada “OPA 2P”, uma visita à Freguesia do Vale da Senhora da Póvoa e território envolvente, que apresenta as suas riquezas patrimoniais, tanto na vertente natural como na vertente cultural.

O Festival das Artes da Beira Baixa outro ponto forte desta programação cultural engloba espetáculos musicais com a atuação de vários grupos da região da Beira Baixa, disseminando as melodias, os sons e as músicas características do território. Idanha-a-Nova convida-o a assistir aos espetáculos do Coro Misto da Beira Interior (missas cantadas) nos dias 04 e 05 de julho e “A Música que fazemos” com Joaquim Martins nos dias 17, 18, 19, 24, 25 e 26 de julho. No mês de agosto, Idanha-a-Nova apresenta ainda “Um violino à solta pelas aldeias” entre os dias 01 e 08 e a “Música ao Largo” com a Filarmónica Idanhense, nos dias 15 e 29. Também o Município de Proença-a-Nova enche-se de som, música e melodias nos dias 08, 15 e 22 de agosto para acolher o Festival das Artes da Beira Baixa.

No dia 08 assista a uma Noite de Fados, no dia 15 será a vez dos Minniband Blues Band e para finalizar, no dia 22 terá acesso a um concerto de Filipe de Moura (tenor) acompanhado por Ana Sofia Ventura (canto lírico) e Rita Pires (piano).

E como a gastronomia tem de estar sempre presente, poderá ainda participar nos Ateliês Temáticos de Cultura e Gastronomia onde se ensina e confecionam os pratos e produtos típicos da região. No dia 11 de julho, em Proença-a-Nova, o ateliê é sobre o Bolo Finto. No dia 21 de julho, o Município de Proença-a-Nova prepara para si um ateliê sobre a utilização de licores de ervas aromáticas e de medronho em cocktails com Mark Walker, WB&CO e no dia 25 de julho, aventure-se no ateliê sobre o famoso Peixe do Rio. Ainda durante o mês de agosto, fique atento pois o Município de Penamacor irá realizar ateliês de cultura e gastronomia dentro da temática do foranging (em português “recoleção”, consiste na procura, identificação e recolha de recursos alimentares na natureza).

Com todas as condições e normas de segurança asseguradas, convidamo-lo a participar nestas surpreendentes iniciativas.

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Destaques com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *