Farol dos Ventos integra Roteiro das Artes de Proença-a-Nova

Farol dos Ventos integra Roteiro das Artes de Proença-a-Nova

O Farol dos Ventos, obra executada em cabos náuticos coloridos no topo sudoeste do maciço rochoso quartzítico, da Buraca da Moura – localizada na Serra das Talhadas, junto à aldeia de Chão do Galego – é a mais recente instalação artística a entrar no Roteiro das Artes de Proença-a-Nova, no âmbito do Cortiçada Art Fest.

João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, contextualiza este projeto que remonta aos incêndios de 2017 e ao Programa de Desenvolvimento Cultural do Território, financiado pela DGARTES, que está incluído no Programa de Apoio em Parceria – Revitalização do Pinhal Interior e que abarca outros dois concelhos para além de Proença-a-Nova: Oleiros e Sertã.

“Para um autarca é um motivo de orgulho darmos condição para termos um roteiro de artes que viva da paisagem e que tenha elementos que, de facto, fazem da paisagem o seu suporte, o que é sempre benéfico para territórios como o nosso”, referiu João Lobo.

“O que nós queremos é que no contexto em que está a obra, implantada naquele afloramento rochoso e sobre a Buraca da Moura, se traduza a importância da Serra das Talhadas que vai ter um projeto de beneficiação da torre de vigia, que vai ser substituída por uma torre, da autoria de Siza Vieira – obra que vai iniciar-se dentro em breve -, toda a crista da serra vai ser pedonável, através da criação de um roteiro desde a Catraia até aos Carregais e o recinto de festas do Chão do Galego será reformulado para acolher um parque de caravanas e os visitantes da serra”.

O Farol dos Ventos é da autoria da MAG: Marta Aguiar, Sofia Marques de Aguiar e Mariana Costa e para a colocação dos coloridos cabos náuticos foi necessário escalar o maciço rochoso, prática que já é frequente neste local uma vez que aqui se localiza um dos sectores da Escola de Escalada de Proença-a-Nova, apelidado precisamente de Buraca da Moura, e que é composto por 14 vias.

Para além da inauguração do Farol dos Ventos a 1 de agosto, o Cortiçada Weekend inclui igualmente a inauguração das obras de arte na paisagem Véu e Moongate (Sertã e Oleiros, respetivamente a 31 de julho e 2 de agosto).

Haverá um festival em streaming de três concertos, realizando-se também desafios digitais a ser lançados na página do projeto, em www.facebook.com/corticadaartfest.

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Proença-a-Nova, Turismo com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *