Associação de Municípios vai gerir Centro de Recolha de Ainimais Errantes

Associação de Municípios vai gerir Centro Intermunicipal de Recolha de Animais Errantes

Os municípios de Ferreira do Zêzere, Gavião, Idanha-a-Nova, Mação, Nisa, Oleiros, Ourém, Pampilhosa da Serra, Proença-a-Nova, Sertã, Vila de Rei e Vila Velha de Rodão assinaram, no dia 26 de junho, a escritura para a constituição da Associação de Municípios para a Gestão do Centro Intermunicipal de Recolha de Animais Errantes – CIRAE, estrutura localizada no concelho de Proença-a-Nova e até aqui gerida pela Pinhal Maior.

A nova associação, pessoa colectiva de direito público, tem como principal objectivo a exploração e promoção do CIRAE, visando sempre o bem-estar animal e a defesa da saúde pública, conforme referido nos estatutos.

Para João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, a realização da escritura é a conclusão de um processo longo, devido ao número de municípios que envolve e, ao mesmo tempo, é o início de uma nova etapa para este equipamento que tenta responder aos desafios criados pela nova lei.

Temos vários projectos alinhavados para este Centro, nomeadamente a ampliação das instalações para duplicarmos a sua actual capacidade, a criação de um centro cirúrgico e ainda de um espaço de hotel para os animais ficarem temporariamente enquanto os seus donos vão de férias. Além disso, vamos intensificar as acções de adopção de animais e de sensibilização para o seu não abandono, numa altura em que, devido à actual situação pandémica e dificuldade de algumas famílias, foi notório o aumento do número de animais na rua”, refere o autarca.

Depois de realizada a escritura pública, a associação será registada no RNPC (Registo Nacional de Pessoas Colectivas) e será realizada Assembleia Geral para eleição dos corpos sociais. À recentemente criada Associação juntar-se-á muito em breve o Município de Penamacor.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Autarquias e Poder Local, Destaques, Proença-a-Nova com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *