Proença-a-Nova assina Protocolo coma Administração Regional do Centro

Município empenhado na promoção de estilos de vida saudáveis

A promoção de um estilo de vida saudável entre a comunidade escolar, funcionários da autarquia e população em geral são os objetivos do Protocolo de Cooperação assinado entre a Administração Regional de Saúde do Centro IP (ARSC) e a Câmara Municipal de Proença-a-Nova, no passado dia 6 de dezembro. “A mudança de hábitos alimentares levadas a cabo pela massificação de refeições rápidas e de bulício dos tempos de hoje levam-nos à pratica de erros na alimentação. Este protocolo, que visa reorientar hábitos, é também em territórios como o nosso meio de valorizar os nossos frescos e a agricultura que durante décadas praticámos.

Fator importante é também a necessidade de realizarmos exercício físico; é, pois, voltarmos a reintroduzir na nossa vida individual, coletiva, hábitos saudáveis”, considera João Lobo, presidente do Município.

Este compromisso entre as duas entidades pretende divulgar e aplicar o programa regional para a promoção da alimentação saudável desenhado pela ARSC que visa dar cumprimento às orientações da Organização Mundial de Saúde, e das políticas de saúde nacionais, de modo a contrariar as estatísticas que dão conta do aumento de doenças cardiovasculares, devido à elevada ingestão de sal, ao crescente aumento de patologias como a diabetes e a obesidade, transversais a todas as faixas etárias, aos padrões de consumo atuais de ingestão elevada de açúcar, gordura, consumo insuficiente de fruta e legumes, água e a relação destes comportamentos com estas doenças, associadas ao sedentarismo e a erros alimentares.

Inserido no programa estão estratégias onde se incluem projetos de formação, sensibilização e divulgação focados nos mesmos objetivos: promoção de um estilo de vida saudável e da atividade física para população da região centro até 2020.

Com este protocolo, a autarquia compromete-se a implementar nos refeitórios escolares o projeto sopa.come e o projeto pao.come, cujos eixos de intervenção assentam na formação e sensibilização dos profissionais, comunicação e divulgação destes projetos, estabelecimento de parcerias de colaboração com instituições públicas, outras autarquias e empresas de restauração coletivas e em conjunto as duas entidades elaborarem um programa anual de atividades.

João Lobo

João Lobo

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Proença-a-Nova com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *