Proença-a-Nova e Ilha do Maio (Cabo Verde) geminadas

Municípios de Proença-a-Nova e da Ilha do Maio assinam acordo de geminação

As Câmaras Municipais de Proença-a-Nova e do Maio, na ilha cabo-verdiana com o mesmo nome, assinaram o acordo de geminação no dia 22 de abril, durante a sessão de encerramento do Encontro Estratégico “Projetar o Maio para o Futuro” que decorreu na cidade do Porto Inglês, formalizando os laços de amizade que unem as duas instituições há já vários anos.

Desde 2009 que se têm realizado intercâmbios – a título informal – ao nível da formação na área da topografia e comunicação e da troca de experiências no domínio da pecuária, entre outros. Foram também várias as visitas que se realizaram tanto em Portugal como em Cabo Verde para ampliar essa cooperação e que culminaram na assinatura deste acordo que prevê cooperação em áreas chave como educação, ciência, cultura, infraestruturas, gestão florestal/ambiental, administração municipal, pecuária e turismo.

No seu discurso, João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, destacou os pontos comuns entre dois concelhos como Proença-a-Nova e Maio, nomeadamente ao nível da aposta no turismo. “Temos que olhar para o território, para aquilo que conhecemos, e valorizá-lo. Às vezes o ouro está à nossa volta e à nossa frente e passamos por ele e não damos conta”.

Na sua perspetiva, o turismo de paisagem é comum aos dois concelhos, ainda que com características totalmente diferentes, fruto da localização geográfica: um na zona do pinhal e outro insular. “Com as reflexões que foram feitas durante este encontro estratégico, se Maio tivesse seguido algumas más experiências que foram feitas em outras ilhas, estaríamos a falar de como é que haveríamos de retroceder.

E não estamos. Estamos exatamente no caminho de começar a encontrar posições – o encontro estratégico serve exatamente para isso – e estou certo que vamos agora caminhar juntos. A cooperação faz-se assim”.

Também o presidente da Câmara Municipal do Maio, Miguel Rosa, destacou a importância do acordo de geminação que pode trazer benefícios para ambos os Municípios, no âmbito de uma cooperação que se pretende simétrica. “São dois municípios que têm muitas similitudes, daí estarmos na posição de trocar experiências, partilhar as nossas vivências, ao invés do velho paradigma de cooperação em que estávamos mais habituados a receber e eles a dar. Hoje, quando se fala de cooperação, fala-se mais de troca de experiências. É com enorme orgulho que rubricamos esse documento que servirá para solidificar as nossas relações e tudo faremos para materializar com ações práticas o que nele vem estipulado, a bem das nossas respetivas populações”.

No âmbito do Encontro Estratégico “Projetar o Maio para o Futuro”, foram debatidos diversos temas, entre desafios, oportunidades e projetos a implementar na área do turismo. Augusto Nogueira, coordenador da Pinhal Maior – Associação de Desenvolvimento do Pinhal Interior Sul, foi um dos conferencistas, com o tema “O futuro chama-se cooperação”.

Participaram ainda o presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, o Ministro da Presidência do Conselho de Ministro, dos Assuntos Parlamentares e do Desporto de Cabo Verde, Fernando Elísio Freire e o embaixador da União Europeia em Cabo Verde, José Manuel Pinto Teixeira, entre outras individualidades.

Geminação de Proença-a-Nova com Ilha do Maio de Cabo Verde

Geminação de Proença-a-Nova com Ilha do Maio de Cabo Verde

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Comunidades, Destaques, Proença-a-Nova com as tags , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *