Orçamento 2017 de Oleiros centrado na Floresta e reabilitação urbana

Floresta e Reabilitação Urbana em destaque no orçamento

O orçamento para 2017 foi aprovado em sessão de Assembleia Municipal no passado dia 28 de novembro, com o valor de cerca de 11 milhões de euros cujo enfoque recai sobre as áreas da floresta e da reabilitação urbana.

A exemplo do ano transato, a Proteção Civil e a Floresta continuam a ser uma preocupação deste executivo que prevê uma verba de cerca de 413 mil euros para esta área.

Investimentos prioritários

Surgem com principal destaque, a beneficiação e manutenção da rede viária florestal, o apoio financeiro prestado à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oleiros, fundamental no combate ao flagelo dos incêndios, e ainda à Associação de Produtores Florestais.

Deste modo será possível manter o trabalho de limpeza dos caminhos florestais, manutenção dos pontos de água e melhorar o acesso às áreas florestais, requisitos essenciais para uma melhor reorganização e preservação da floresta.

A reabilitação urbana representa este ano uma grande aposta conforme noticiado em novembro.

A Câmara Municipal de Oleiros vai investir cerca de 1,5 milhões de euros até 2018 em obras de reabilitação urbana, sendo parte deste valor através de projetos cofinanciados no novo Quadro Comunitário (Pactos para Desenvolvimento e Coesão Territorial), Investimentos territoriais integrados, Planos de Ação para regeneração urbana entre outros.

Estes últimos incluem a qualificação de espaço público – Parque de Feiras e Mercados – , a qualificação e modernização de espaço público – Devesas Altas – e ainda a qualificação e modernização da envolvente do Largo da Igreja Matriz.

O apoio à Educação mantém-se como um pilar essencial correspondente à verba de cerca de 460 mil euros que garantem os transportes escolares gratuitos para todos os alunos, refeições escolares gratuitas para crianças do 1º ciclo e para alunos com agregado familiar com problemas económicos, atividades de enriquecimento curricular, manuais escolares gratuitos para todos os alunos do concelho desde o 1º ao 12º ano e ainda as obras de beneficiação da escola básica do 1º ciclo e jardim-de-infância do Estreito.

Existe ainda uma candidatura aprovada no valor de 805.120€ para ações integradas de promoção do sucesso escolar de Oleiros.

A ação social mantém verbas para o programa Oleiros Jovem, no âmbito do incentivo à fixação da população através do apoio à natalidade e o apoio à 1ª infância a casais jovens, a atribuição de bolsas de estudo, o apoio à recuperação de habitações degradadas e apoio nas despesas com saúde.

Realce ainda para o setor da indústria e energia com uma dotação de 75 mil euros para intervenções no âmbito da eficiência energética em Oleiros, Estreito, Orvalho e ainda no Complexo das Piscinas Municipais de Oleiros.

De realçar que o Município tem mantido apostas nas mais diversas áreas de atuação que dignificam Oleiros e as suas gentes por exemplo em termos culturais e turísticos que ao longo de todo o ano enriquecem os oleirenses com produtos culturais de excelência e para os que nos visitam com uma aposta na divulgação da gastronomia, das paisagens, do alojamento e de tudo o que o nosso concelho tem para descobrir.

Aposta no bem estar

É também desta forma, em conjunto com todas as medidas enunciadas que se procura combater a sazonalidade inerente à localização de Oleiros, tornando-o um local atrativo para residir 365 dias por ano, com uma qualidade de vida crescente e um futuro sustentável.

Câmara de Oleiros

Câmara de Oleiros

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Oleiros, Política com as tags , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *