Professores de Oleiros, recebidos em Álvaro

Comunidade Educativa recebida em Álvaro 

O Município de Oleiros promoveu na passada semana, uma iniciativa de receção à comunidade educativa do Agrupamento de Escolas Padre António de Andrade (AEPAA) para o ano letivo 2016/2017.

A exemplo do que tem acontecido em anos anteriores, a ideia deste dia é dar a conhecer à comunidade educativa, em especial aos novos professores que chegam a Oleiros, um pouco do nosso concelho, num ambiente informal.

Este ano, o almoço de receção decorreu em Álvaro com uma vista deslumbrante sobre o Rio Zêzere.

Os discursos de recepção do Presidente da Câmara, do Diretor do AEPAA e do Presidente da Junta de Freguesia de Álvaro convergiram no entusiasmo em receber novamente o pessoal docente e não-docente, tão importantes para a formação da nossa comunidade.

A jornada de boas-vindas pretende exactamente acolher da melhor forma estes profissionais, que muitas vezes se encontram deslocados da sua zona de residência.

Para os cerca de 70 participantes, depois do almoço foi altura de conhecer o rico património religioso de Álvaro, através de uma visita guiada.

Para relaxar, o Presidente da Junta colocou ainda à disposição de todos, a piscina flutuante, kayaks e gaivotas para conhecer melhor o símbolo marcante da terra: o Zêzere.

A Aldeia de Álvaro estende-se ao longo do cimo de uma encosta sobranceira ao Rio Zêzere que avistada de alto se assemelha a uma muralha que guarda a passagem do rio. Esta é uma das Aldeias do Xisto em que o casario é maioritariamente rebocado e pintado, estando o xisto local na base da sua construção.

Professores de Oleiros recebidos em Álvaro

Professores de Oleiros recebidos em Álvaro

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Álvaro, Destaques, Oleiros com as tags , . ligação permanente.

Uma Resposta a Professores de Oleiros, recebidos em Álvaro

  1. Fernanda E. c. Ramos diz:

    O início de um ano letivo é sempre um momento de expectativa tanto para alunos, como pais e professores. O tempo em que tudo era previsível já lá vai e as exigências, aparentemente facilitadas, são cada vez maiores. O professor continua a ter à sua frente crianças e jovens, os adultos do amanhã, com a responsabilidade de os preparar para serem cidadãos de pleno direito, numa sociedade em acelerada transformação. A família espera que a escola ensine, eduque e “tome conta” dos seus filhos, tarefas com uma componente científica , psicopedagógica e social de arrojo.
    As iniciativas, como a tomada pela Autarquia de Oleiros, fazem todo o sentido e merecem ser reconhecidas por todos quantos se interessam pela Escola. A comunidade educativa somos todos nós e a criança o elo nos une.
    Votos de um bom ano de trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *