Gaspalha presta homenagem a José Santos Marques em 17 de Setembro

Gaspalha, lugar abençoado, dotado de uma cor e brilho especiais, situa-se num cantinho do Zêzere, que não deixa indiferente os sentidos de quem de passagem ou estada mais prolongada, contacta com a sua luz, aroma e principalmente com as suas gentes.

Aldeia com estórias e histórias várias, por lá  se viveram  momentos de alegria e felicidade, quando à tardinha e  depois da lavoura, o seu povo se juntava em redor do som do harmónio e das risadas genuínas da mocidade de então,  que festejavam tão só, a amizade, a alegria de viver, o convívio são e humilde de gente que no coração guardava emoção, simplicidade e o sonho tão nobre de quem quer apenas ser feliz.

Sonho que foi muitas vezes banhado de sofrimento,  lavado pelas lágrimas de uma vida que era tudo menos fácil ou facilitada.

Foi pelo pulso de gentes de convicção, de garra na alma e nobreza no espírito,que a Gaspalha foi, ano após ano, década após década, escrevendo a sua história,  deixando como legado páginas ricas de emoção, crescimento e valorização, às gerações que se foram sucedendo.

Num capítulo desta história encontra-se a Comissão de Melhoramentos da Gaspalha. Embalada como criança no colo do seu Presidente, José Martins Fernandes, foi criada por toda uma família de fundadores.

– Augusto Gaspar

– Manuel André

– Henrique Augusto Simões

– Henrique Antunes Simões

– João Carlos Morais

– Maria Fátima Morais

– Maria da Conceição Freire

– Manuel Domingues

Esta Comissão que já perfaz 17 anos de existência, tem deixado marca de vida e obra nesta Terra.

Pese embora o facto de uma população empenhada,  bem como a dedicação dos seus sócios e amigos, foi determinante a recetividade, o envolvimento e disponibilidade da CMO, bem como da JFA na  concretização daqueles que foram  grandes projetos desta Comissão.

Estas entidades parceiras de excelência da Comissão de Melhoramentos da Gaspalha, têm rosto e nome.

Deve assim  esta  Comissão,  um agradecimento muito especial e um manifesto de gratidão ao Sr. Comendador

José Santos Marques, Presidente da Câmara Municipal de Oleiros de então, pela forma como esteve sempre de forma incondicional ao lado da CMG, permitindo assim a concretização de sonhos que embora aparentemente megalómanos foram exequíveis.

Nesta caminhada a CMG realça e agradece também,  ao Sr. António Correia, Presidente da Junta de Freguesia dessa época e que nos ouviu e se manteve connosco desde a primeira hora nesta caminhada de sucessos conjuntos.

Numa manifestação de  gratidão e reconhecimento a CMG vai levar a cabo uma justa homenagem ao Sr. Comendador José Santos Marques, no dia 17 de setembro aquando da realização do nosso almoço comemorativo do 17º aniversário da Comissão, assinalando também os 12 anos do Centro de Convívio.

Comendador José Santos Marques

Comendador José Santos Marques

 
* Maria Fátima Fernandes Morais, Professora, Presidente da Comissão de Melhoramentos da Gaspalha

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Álvaro, Destaques, Oleiros com as tags , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *