“CIMBB”, Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa conclui importante acordo

A Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa (CIMBB) e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDR-C) assinaram em 31 de Agosto, o Pacto de Desenvolvimento e Coesão Territorial do Centro que determina a transferência de 20 milhões de euros para a comunidade intermunicipal no âmbito do actual quadro comunitário de apoio.
O valor recebido será agora investido nos seis municípios que compõem a CIMBB (Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Oleiros, Penamacor, Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão), sendo que os montantes mais significativos serão destinados à redução e prevenção do abandono escolar precoce e à promoção da igualdade de acesso ao ensino infantil, à eficiência energética e à criação de emprego por conta própria, empreendedorismo e criação de empresas.

Congratulamo-nos com a assinatura deste contrato, consideramos que o montante atribuído está em linha com o contratualizado nos outros quadros comunitários mas estamos desiludidos com o facto de não terem sido incluídas algumas das nossas prioridades e nos terem sido impostas outras que não consideramos assim tão prioritárias”, salienta o presidente da CIMBB.
João Paulo Catarino dá o exemplo da exclusão do património natural: “esta era uma das áreas em que os municípios da CIMBB tinham mais expectativas atendendo à área natural classificada da nossa comunidade que inclui o Parque Natural do Tejo Internacional e o Geopark Naturtejo. Em contrapartida, foi apoiado algum património cultural classificado como de Interesse Nacional que é da responsabilidade do Ministério da Cultura”.
Na prática, os diferentes municípios vão ter que contribuir com uma percentagem dos seus orçamentos para financiar as obras nesses monumentos.

Da mesma forma, mais de quatro milhões de euros serão encaminhados para projectos educativos o que, segundo o presidente da CIMBB, faria mais sentido que parte desse investimento fosse feito no âmbito do actual sistema educativo.
É o Ministério da Educação que tem de tomar medidas concretas como a redução do número de alunos por turma e evitar turmas compostas por vários anos letivos”, defendeu João Paulo Catarino.

João Paulo Catarino, Presidente da CIMBB

João Paulo Catarino, Presidente da CIMBB

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Comunidades, Destaques com as tags . ligação permanente.

Uma Resposta a “CIMBB”, Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa conclui importante acordo

  1. Pingback: “CIMBB”, Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa conclui importante acordo - Jornal de Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *