Concelho de Proença-a-Nova tem excelentes condições para produzir cereja

Concelho tem condições ímpares para a produção de cereja

Produtores vão vender cereja diretamente ao público do Festival da Cereja

O microclima existente nas freguesias de Sobreira Formosa, Montes da Senhora e Alvito da Beira, no concelho de Proença-a-Nova, permite o desenvolvimento de uma atividade agrícola que dá os seus frutos nesta época do ano: a produção de cerejas. São vários os hectares de cerejeiras que embelezam os campos de branco na altura da floração e de vermelho na altura da colheita. Uma das características das cerejas do concelho é que são das primeiras a amadurecer nesta região do país.

Nos dias 23 e 24 de maio, a freguesia de Montes da Senhora recebe o Festival da Cereja, visto como uma oportunidade de divulgar a cereja do concelho – hoje em dia com um peso considerável na economia local e com tendência a crescer. “O Município de Proença-a-Nova entendeu, desde a primeira hora, que o evento dedicado à cereja tem toda a pertinência tendo em conta que os pomares de cereja encontram neste território, desde há muitos anos, condições ótimas para o seu desenvolvimento. Assim, temos todo o interesse em promover um certame dedicado à cereja para a sua valorização, comercialização e reconhecimento de produto de qualidade do concelho de Proença-a-Nova”, salienta João Lobo, vice-presidente da autarquia.

O Festival contará com 16 produtores, entre os quais Tiago Alves, Amaro Martins e António Laia.

Tiago Alves e a família possuem cerca de mil cerejeiras na freguesia de Sobreira Formosa e desde o início deste mês que estão a vender cereja, antecipando uma boa colheita em 2015. “Temos também 250 árvores na zona de Vale Clérigo e Peral para perceber se esta cultura é rentável nessa zona do concelho pois o clima, o solo e até as pragas são diferentes”, refere o jovem agricultor que plantou diversas variedades de cerejeiras e agora acompanha o seu crescimento para explorar quais se adaptam melhor a estas diferentes características. Para além da venda direta ao consumidor final, também comercializa compotas de cereja.

Amaro Martins, o principal produtor do concelho – com 11 hectares de cerejeiras na zona do Alvito da Beira e uma produção anual estimada em cerca de 30 toneladas em condições normais -, tem como objetivo aumentar o volume de produção para as 100 toneladas anuais, daqui por quatro ou cinco anos. Este ano, a vaga de calor registada em maio não foi benéfica para o seu pomar mas ainda assim a cereja é de boa qualidade. “A agricultura é muito ingrata”, refere tendo em conta todas as condicionantes criadas por fatores que não se conseguem controlar, como a chuva, o calor ou a altura da floração.

António Laia debate-se com os mesmos problemas que os restantes produtores, a braços com chuva e demasiado calor fora da época; dificilmente colherá este ano as duas toneladas que as suas cerejeiras produzem em condições normais. Com plantações em Montes da Senhora, o produtor tem cereja madura desde o primeiro dia de maio, confirmando o amadurecimento mais precoce do fruto no concelho de Proença-a-Nova.

Para além da venda de produto, o Festival da Cereja conta com um programa de animação que contempla no sábado, 23 de maio, uma oficina de doce de cereja, atuação dos bombos e classe de zumba da Casa do Benfica de Proença-a-Nova e da Escola de Concertinas de Proença-a-Nova. À noite, o grupo musical Inovação garante a animação do recinto do Festival. No domingo, 24 de maio, é dia de passeio pedestre, com cerca de 10 quilómetros, por entre os cerejais desta freguesia e também da Dupla Légua das Cerejas, prova desportiva com competição em todos os escalões etários. A partir das 15h00 realiza-se a tarde folclórica com desfile etnográfico e atuação dos ranchos de Piares (Marco de Canaveses), Rosas de Tourigo (Tondela), As Ceifeiras de Porto de Muje (do Cartaxo) e o Grupo de Danças de Cantares de Montes da Senhora.

Organizado pela Liga dos Amigos de Montes da Senhora, pelo Centro Social Cultural e Recreativo Montes da Senhora e pelo Município de Proença-a-Nova, com o apoio da Junta de Freguesia de Montes da Senhora, o Festival da Cereja vai na sua quarta edição.

Cereja em Proença

Cereja em Proença

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Economia, Proença-a-Nova com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *