Sanidade Florestal em debate em Oleiros

Oleiros pioneiro no debate da Sanidade Florestal

Numa iniciativa pioneira no país, o Município de Oleiros, em parceria com o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) e o Instituto de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV), promoveu no passado dia 22 de janeiro, um fórum dedicado às doenças e pragas que afetam o pinheiro bravo e o eucalipto. A temática da Sanidade Florestal esteve assim em destaque, trazendo a Oleiros os maiores especialistas na matéria e atraindo uma plateia de 140 pessoas que encheu o auditório da Santa Casa da Misericórdia de Oleiros.

A iniciativa pretendeu sensibilizar a população em geral, desde proprietários a produtores, assim como técnicos, empresários, estudantes, organizações de produtores florestais e diversas outras entidades, para questões relacionadas com o diagnóstico e com os procedimentos que devem ser adotados. Esta ação inédita teve ainda o mérito de trazer até Oleiros dois especialistas na matéria, José Manuel Rodrigues (do ICNF) e Edmundo Sousa (do INIAV) e representou uma ocasião de excelência para esclarecer os vários interessados sobre alguns dos vetores bióticos que mais ameaçam as duas espécies em causa, como o nemátodo da madeira de pinho, a processionária do pinheiro, o gorgulho do eucalipto ou o sugador das pinhas, sendo responsáveis pelo seu declínio.

Para além das evidentes preocupações com os agentes abióticos que ameaçam a floresta, os incêndios florestais, o Município de Oleiros demonstra com esta iniciativa que a defesa da floresta no seu todo é uma prioridade claramente assumida. As duas apresentações estão disponíveis no website do município.

Na ocasião, foi referido que é fundamental que as comunidades locais estejam atentas aos sintomas e que haja uma intervenção precoce, para poder erradicar pragas e doenças que ocorram no espaço florestal. Outra questão essencial, prende-se com a recetividade por parte dos proprietários às ações de monitorização e controlo efetuadas pelas entidades competentes, as quais devem ser apoiadas, uma vez que estão a cumprir um dever que cabe aos proprietários.

Fórum

Fórum

Oradores

Oradores

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Ciência, Destaques, Oleiros com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *