Albicastrenses sofrem segunda derrota consecutiva

14ª JORNADA DO CAMPEONATO NACIONAL DE SENIORES – SÉRIE E

Benfica e Castelo Branco 2 – Nogueirense 3

Duas jornadas, outras tantas derrotas. Esta a marca que fica nas últimas duas jornadas do Nacional de Seniores, dos jogos do Benfica e Castelo Branco. Se a derrota do passado domingo em Cernache do Bonjardim se aceite por se tratar de um jogo fora contra uma das melhores equipas da série E, já o desaire, este domingo, no Vale do Romeiro, não era expectável e constituiu um balde de água fria nas hostes albicastrenses.

BCB Nogueirense

São seis pontos perdidos, que sem colocar em causa, pelo menos por enquanto, as aspirações da equipa, podem fazer mossa no estado anímico dos jogadores encarnados, tanto mais que contra o que seria razoável, vão ter dois jogos em época de festas de Natal e Ano Novo. Assim seguem-se dois jogos, um a 28, fora de casa e outro a 4 de janeiro de 2015 no Vale do Romeiros, ambos a obrigar os jogadores a deslocações apertadas se quiserem fazê-lo junto dos seus familiares e das suas terras de origem. Um calendário estipulado estupidamente pela Federação, tanto mais que far-se-á entre esta e a próxima fase um interregno de mais de um mês na competição.

Mas vamos ao filme do que se passou este domingo no Vale do Romeiro.

Os jogadores do Benfica e Castelo Branco dominaram, a seu belo prazer, durante a esmagadora maioria do tempo, não concretizando no marcador tamanho domínio. Por sua vez o Nogueirense foi uma equipa retraída com uma enorme eficácia. Sete ataques, três golos. Os visitantes marcaram aos 47, 61 e aos 90+3 minutos.

BCB Nogueirense_1

Já os encarnados marcaram somente dois golos, ambos por Marocas, o primeiro ao minuto 59 e o segundo iam decorridos 82 minutos de jogo, sem que antes João Rui tivesse falhado uma grande penalidade.

Sem estar em causa a passagem à segunda fase da competição, exige-se aos jogadores benfiquistas uma maior serenidade e um nível de concentração superior para não colocarem em causa todo o trabalho feito até agora e fazerem a série final de quatro jogos com a máxima tranquilidade e isso tem de começar a acontecer, já no próximo domingo em Pombal contra o Sporting local.

Estádio Municipal de Castelo Branco (Vale do Romeiro)

Árbitro: João Carlos Bento

Auxiliares: Nuno Ferreira e Samuel Dionísio (AF Santarém)

Benfica CB: Hidalgo, André Cunha, Fábio Santos, Tomás, Job (74, Vasco Matos), Telmo, Ragner (63, Tiago Pereira), Marocas, Fábio Marinheiro, Dani Matos e João Rui.

Treinador: Ricardo António

Marcador: Marocas (59 e 82)

Cartão amarelo: Marocas (57), André Cunha (66) e Dani Matos (89)

Nogueirense: Valença, Gomes, Marco, Rui Daniel, Rafa, Daycson (85, Camará), Toni (83, Mário Jorge), Issouf, Alex, Melo e João Olavo.

Treinador: João Pires

Marcadores: Toni (47), Alex (61) e Rui Daniel (90+3)

Cartão amarelo: Rafa (39)

 

Esta entrada foi publicada em Desporto, Destaques. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *