Covilhã recebe até segunda-feira o Campeonato Nacional de Matraquilhos

CERCA DE MIL JOGADORES FEDERADOS

O VIII Campeonato Nacional de Matraquilhos teve hoje início na Covilhã, com cerca de 400 participantes, constituindo o maior evento da modalidade até agora realizado em Portugal, segundo o presidente da Federação Portuguesa de Matraquilhos e Ténis de Mesa.

Campeonato Nacional de 2013

Campeonato Nacional de 2013

Durante os três dias de competição vai ser possível ver no Pavilhão 2 da Universidade da Beira Interior 30 jogos em simultâneo, com o sábado e o domingo reservados para as competições individuais e por equipas, em femininos e masculinos. Na segunda-feira realiza-se o Campeonato Nacional de Associações.

Com cerca de mil jogadores federados, os responsáveis dizem existir muitos mais praticantes regulares da modalidade, a que pretendem chegar.

“Portugal é um país competitivo na modalidade”, disse Vítor Bessa à agência Lusa.

Em 2012 e 2013, a seleção nacional de juniores, composta por Leandro Pires, Reinando Pereira, Filipe Parreira e David Safadinho, sagrou-se campeã mundial. Já este ano, Leandro Pires e Filipe Parreira foram campeões em “doubles” e, anteriormente, já Paulo Nunes tinha trazido para Portugal o título de melhor do mundo em seniores.

Os vencedores do Campeonato Nacional vão representar Portugal, entre 08 e 12 de Abril de 2015, em Turim, Itália, no Campeonato do Mundo de Matraquilhos.

Matrecos

O presidente da Federação lamentou que os matraquilhos, “desporto barato” e acessível, não tenham em Portugal o devido reconhecimento nem apoios, apesar da boa qualidade de muitos atletas.

As provas hoje prolongam-se até à meia-noite. No domingo e segunda-feira começam às 10:00 e terminam às 20:00.

*Com Lusa

 

Esta entrada foi publicada em Covilhã, Desporto, Destaques. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *