Derrota garante passagem à fase seguinte

SEGUNDA MÃO DA SEGUNDA FASE DA TAÇA DA LIGA

Penafiel 1 – Sporting da Covilhã 0

O “secundário” Sporting da Covilhã foi hoje derrotado pelo Penafiel (0-1), na segunda mão da segunda fase da Taça da Liga, mas segue em frente na competição, graças à vitória por 3-1 alcançada em casa.

Taça da Liga

No Estádio 25 de Abril, em Penafiel, os durienses até entraram melhor na partida, com um golo de Rabiola, logo aos sete minutos, mas demonstraram pouca inspiração para virar a derrota sofrida na primeira mão.

Numa primeira parte com poucos momentos de bom futebol, valeu o golo madrugador de Rabiola, que, na sequência de um pontapé de canto, cabeceou ao primeiro poste para o fundo da baliza de Taborda.

Só que, apesar de ter entrado melhor na partida, a formação de Rui Quinta denotou grandes dificuldades para voltar a criar perigo e só uma arrancada de Mbala, pela esquerda (42 minutos), agitou a defensiva contrária, com Gilberto a efetuar um corte providencial.

Do outro lado, o conjunto de Francisco Chaló, a quem a desvantagem pela margem mínima ia servindo, preocupava-se mais em manter a solidez defensiva do que em ameaçar Coelho e só com remates de meia distância ia pondo o guardião em sentido.

Francisco Chaló

Francisco Chaló

A tendência manteve-se na etapa complementar, em que voltaram a escassear as ocasiões de golo.

Os lances de maior perigo surgiriam mesmo na sequência de bolas paradas: aos 62 minutos, o duriense João Martins, de livre, fez a bola rasar o poste e, aos 83, o livre do serrano Carlos Manuel fez soar o alarme, mas ninguém chegou a tempo do desvio.

Só no tempo de compensação, os “leões da serra” estiveram perto de empatar a partida, mas Bilel, com uma arrancada pela direita, acabaria por proporcionar uma grande defesa a Coelho. Ainda assim, o desaire por 1-0 foi suficiente.

Jogo no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel – Sporting da Covilhã, 1-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcador:

1-0, Rabiola, 07 minutos.

Equipas:

– Penafiel: Coelho, Dani, João Pedro, Pedro Ribeiro, Vítor Bruno, João Martins, Ferreira, Rafa (Rui Miguel, 71), Aldair, Rabiola e Mbala (Quiñones, 62).

(Suplentes: Tiago Rocha, Guedes, Paulo Grilo, Rui Miguel, Tony, Romeu Ribeiro e Quiñones).

Treinador: Rui Quinta.

– Sporting da Covilhã: Taborda, Tiago Moreira, Diogo Coelho, Joel, Soares (Edgar, 24), Nana K, Gilberto (Carlos Manuel, 72), Djikiné, Elenilson (Bilel, 84), Erivelto e Traquina.

(Suplentes: Igor, Carlos Manuel, Edgar, Tatui, Adriano, Bilel e Xeka).

Treinador: Francisco Chaló.

Árbitro: Jorge Ferreira (AF Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Diogo Coelho (31), Nana K (36), Ferreira (45), Elenilson (62), Coelho (64), Erivelto (64), Aldair (83), Joel (89) e João Martins (90).

Assistência: 351 espectadores.

*Com Lusa

Esta entrada foi publicada em Covilhã, Desporto, Destaques. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *