Cristina Rodrigues expõe em Idanha-a-Nova

NO CENTRO CULTURAL RAIANO E EDIFÍCIO DA CÂMARA MUNICIPAL

Uma mostra inédita da celebrada artista e arquiteta portuguesa Cristina Rodrigues está exposta no edifício da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e no foyer do Centro Cultural Raiano, onde foi inaugurada no passado, 8 de novembro.

A mostra assinala a primeira vez que a instalação “Enlightenment” é exposta em Portugal, no culminar de um ano cheio de sucessos para Cristina Rodrigues.

Inauguração_Exposição (1)

O momento foi marcado pela abertura das portas do atelier da artista no Centro Cultural Raiano, dando a conhecer o espaço onde trabalha com artesãs locais em peças de arte que correm o mundo.

São quatro as criações expostas no foyer do Centro Cultural Raiano e uma outra no renovado edifício da Câmara de Idanha-a-Nova, todas com curadoria de Paulo Longo e apoio do Município.

Na inauguração da exposição, o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, felicitou Cristina Rodrigues por, através da sua arte, “ser uma grande embaixadora de Idanha, levando o seu património, as suas gentes e riqueza cultural a grandes espaços em Portugal e no mundo”.

Recorde-se que após o grande êxito da sua exposição “O Meu País Através dos Teus Olhos”, patente no Museu Nacional de Arqueologia, no Mosteiro dos Jerónimos, as obras de Cristina Rodrigues percorreram já este ano vários espaços além-fronteiras, nomeadamente a galeria de arte Zweigstelle Berlim, o Consulado Geral de Portugal em Manchester, a Catedral de Manchester e ainda a TIL Gallery em Londres.

Cristina Rodrigues trabalha com mulheres da diáspora portuguesa no seu atelier em Manchester e também com vários artesãos portugueses no seu atelier no Centro Cultural Raiano. Escolheu Idanha-a-Nova para estabelecer o seu atelier em Portugal, fazendo-se, assim, rodear de uma vibrante comunidade rural que apoia e participa na produção das suas magníficas e luxuosas criações artísticas.

A artista encontra-se até 16 de novembro em Idanha-a-Nova a trabalhar com as artesãs locais em várias peças que irão integrar uma grande exposição no Mosteiro de Alcobaça e outra no Palacete de Tatton Park, no norte de Inglaterra, ambas em 2015.

Esta entrada foi publicada em Destaques, Idanha-a-Nova, Turismo. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *