EDITORIAL: “O Jogo” do Desemprego em Portugal…

Portugal, país de artífices….

A taxa de desemprego de 13,1% anunciada, não é mais do que algo patético e desinformação grosseira.

Na verdade, o desemprego é de 22,4% mesmo sem levar em conta os 43 000 estagiários e os 30 000 desempregados ao abrigo dos ” contratos empresa “. Com estes a serem contados, seria ainda maior.

Não se fala aos portugueses dos 232 000 que vivem de biscates e dos 302,3 mil que já desistiram de procurar emprego. Na verdade, há 1,2 milhões de portugueses desempregados.

Chaga verdadeira são os cerca de 10 a 12 % de desempregados que jamais voltarão ao mercado de trabalho por inaptidão, desfasamento da realidade funcional, etc.

Uma geração ficará perdida.

Ao nível dos jovens, o desemprego situa-se entre os 32 a 35% deste total. Lamentável.

Não seria preferível a verdade, para que os portugueses percebam o estado lamentável do nosso país?

Paulino B. Fernandes

Director

Director

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Editorial. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *