Alunos decidiram em referendo extinção da Federação Académica de Castelo Branco

VOTARAM 1.073 ESTUDANTES DOS 4000 EXISTENTES NO IPCB

Os alunos do Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) decidiram em referendo a extinção da atual federação académica e optaram pela constituição de um modelo associativo naquela instituição de ensino superior, foi hoje anunciado.

acad

De acordo com o resultado do referendo, divulgado hoje na página do Facebook da FACAB, “dos 1.073 estudantes que exerceram o seu direito de opinião, 787 (73,35%) acham que o modelo de associativismo deveria vigorar em Castelo Branco”.

Opinião contrária tiveram26,65% dos estudantes, que no referendo se expressaram pela manutenção do atual modelo federativo.

Segundo os dados disponibilizados, dos cerca de 4.000 alunos do IPCB apenas cerca de 25% (1.073) exerceram o seu direito de opinião no referendo, facto que é lamentado pela atual direção da FACAB.

“Lamentamos a fraca adesão ao inquérito, mas agradecemos a todos aqueles que deram a sua opinião”, lê-se na página do Facebook.

Os responsáveis da FACAB prometem dar, em breve, mais informações sobre o assunto.

O referendo, cuja votação eletrónica decorreu entre as 00:00 e as 23:59 do dia 05 de novembro, tinha uma única questão: “Qual o modelo associativo que deverá vigorar no IPCB?”.

Alunos IPCB

Todos os alunos receberam ‘e-mail’ do gabinete informático do IPCB, com um ‘link’ de acesso à votação.

A Lusa tentou, sem sucesso, contactar o atual presidente da FACAB, Vasco Sousa.

O presidente do IPCB, Carlos Maia, continua sem reconhecer a direção da FACAB, eleita em fevereiro de 2014, devido a alegadas irregularidades no processo eleitoral.

À data, o presidente do IPCB disse que assim que todos os órgãos estivessem regularmente constituídos seriam reconhecidos pela instituição.

“Até lá, não os posso reconhecer, porque a lei não o permite”, explicou Carlos Maia.

*Com Lusa

Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Destaques. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *