Emília Mezia apresenta romance “O Poeta e o Ladrão”

IDANHA-A-NOVA

O primeiro romance de Emília Mezia, “O Poeta e o Ladrão”, foi lançado no passado dia 20 de setembro, no Forum Cultural de Idanha-a-Nova.

O poeta e o ladrao

Trata-se de uma obra de ficção, cuja ação se desenrola por vários pontos de França, Espanha e Portugal, protagonizada por uma personagem “cheia de força e coragem”, revela a autora, residente há 11 anos no Rosmaninhal, em Idanha-a-Nova.

A cerimónia contou com a presença de mais de 50 associados do Mensageiro da Poesia, associação cultural poética de Amora, da qual a Emília Mezia é associada e pioneira.

A vice-presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Idalina Costa, esteve presente na apresentação da obra, deixando palavras de apreço e encorajamento à escritora e poetisa.

“Por terras raianas, Emília Mezia tem demonstrado que mesmo quando se perdem as forças pelas fragilidades da vida, não devemos perder a vontade de continuar a lutar. São características que a distinguem enquanto autora, mas também – e sobretudo – como pessoa que merece toda a estima”, afirmou Idalina Costa.

O lançamento do oitavo livro de Emília Mezia, primeiro romance de uma obra onde se destaca a poesia, trouxe a Idanha-a-Nova vários poetas, que protagonizaram um momento cultural.

Apresentação 2

O fundador do Mensageiro da Poesia, Luís Fernandes, e Natália Fonseca, diretora do boletim desta associação, participaram na apresentação de “O Poeta e o Ladrão”.

Entre os convidados estiveram o ex-presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Álvaro Rocha, autor de um texto no prefácio do livro, e o presidente da Junta de Freguesia de Rosmaninhal, Joaquim Chambino.

Esta entrada foi publicada em Destaques, Idanha-a-Nova. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *