Festival Literário da Gardunha arranca na segunda-feira

NO FUNDÃO

A primeira edição do Festival Literário da Gardunha, no Fundão, arranca na segunda-feira com uma residência artística, seguindo-se o encontro com mais de 30 escritores, nos dias 27 e 28.

festival-gardunha110714

Alexandra Lucas Coelho e Tiago Salazar (escritores) e o fotógrafo Pedro Loureiro são os convidados para participarem na residência artística, sendo que cada um fica em diferentes pontos do concelho (Castelo Novo, Fundão e Janeiro de Cima), de modo a contactarem a comunidade, designadamente os alunos das escolas do concelho.

A estes autores, a organização lançou o desafio de produzirem um trabalho que tenha como base de inspiração as zonas que ficarão a conhecer ao longo da semana.

Tendo a Serra da Gardunha como pano de fundo, estes cenários também poderão servir de inspiração para os restantes, escritores e ensaístas, algo que seria o “topo dos topos”, tal como classificou o presidente da Câmara do Fundão, Paulo Fernandes.

Paulo Fernandes

Paulo Fernandes

“O Fundão tem condições para ser um ponto muito interessante de espaço de criação (…). Não tenho dúvidas de que isso seria o topo dos topos”, afirmou, durante a apresentação do festival.

Entre as presenças já confirmadas para o encontro dos dias 27 e 28 estão autores como Luandino Vieira, Albano Martins, Alice Vieira, Arnaldo Saraiva, Deana Barroqueiro, Hélia Correia, Teolinda Gersão, Paula Moura Pinheiro, Pedro Mexia ou Fernando Alvim, entre outros.

Um leque de personalidades, a que se juntam muitas outras, o que leva a organização a acreditar que “este festival terá, certamente, impacto literário e cultural, não só a nível regional, como a nível nacional”, sublinhou Margarida Gil, que integra a comissão de organização.

Luandino Vieira

Luandino Vieira

Com tema genérico de “a viagem e literatura de viagem”, esta primeira edição pretende também afirmar-se pela “heterogeneidade” – congregará autores de várias gerações e de vários géneros literários – bem como pela componente internacional, que fica garantida pela presença do escritor e jornalista espanhol Javier Reverte.

Caberá a este autor abrir com “chave de ouro” um fim-de-semana no qual os escritores são convidados a interagir com o público, sempre em “jeito de tertúlia”.

“A viagem e o mapa”, “a viagem e a poética da viagem”, “a viagem e a ficção”, “a viagem real e a viagem imaginária”, a “viagem e a história” ou a “viagem com bilhete de ida, mas sem regresso marcado”, são alguns dos temas de debate propostos pela organização.

Deana Barroqueiro

Deana Barroqueiro

Do programa constam ainda a realização de uma viagem à aldeia histórica de Castelo Novo e à vila de Alpedrinha, bem como um concerto com Cristina Branco e João Paulo Esteves da Silva.

A iniciativa é promovida numa parceria entre a Câmara Municipal do Fundão, a A23 edições e a Grande Turismo e o programa detalhado pode ser consultado em: facebook.com/festivaliterariodagardunha.

*Com Lusa

 

 

Esta entrada foi publicada em Destaques, Fundão, Turismo. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *