Município de Oleiros distingue Presidentes de Câmara dos últimos 80 anos

DIA DO CONCELHO

As cerimónias oficiais do Dia do Concelho de Oleiros decorreram, no passado dia 11 de agosto, tiveram início pelas 12h com o momento do içar da Bandeira do Município em frente ao edifício dos Paços do Concelho, o qual foi abrilhantado pela presença da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Oleiros.

Revelaram-se um momento histórico onde foi lembrada a obra dos sete presidentes da Câmara Municipal de Oleiros que exerceram funções entre 1933 e 2013.

Comendador José Marques e Fernando Jorge no decerrar

Comendador José Marques e Fernando Jorge no decerrar dos quadros fotográficos

Tiveram o seu ponto alto no momento do descerrar dos quadros fotográficos dos autarcas, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, num gesto que pretendeu reconhecer o esforço dos presidentes de Câmara em prol do bem-estar da população do concelho e que segundo Fernando Jorge, atual presidente de Câmara “é uma questão de justiça para com estas personalidades marcantes da história dos últimos 80 anos do concelho”. A iniciativa foi aprovada por todo e executivo e o passo seguinte será a inscrição do nome dos autarcas que exerceram funções antes de 1933. Esta galeria de quadros passa assim a estar exposta ao público no Salão Nobre dos Paços do Concelho e aguarda agora o passo seguinte: a composição do quadro com a inscrição dos nomes dos presidentes de Câmara que exerceram funções até 1933.

Numa sessão bastante digna e com alguma emotividade, estiveram presentes os familiares de Dr. Francisco Rebelo de Albuquerque, Augusto Fernandes, Alfredo Fernandes, Dr. Mário Ilharco de Moura, Maria Guiomar Romão, Fernando Luís e Comendador José Santos Marques. Este último esteve à frente dos destinos do concelho 27 anos e tomou da palavra, em representação dos seus antecessores.

Comendador José Marques e Fernando Jorge

Comendador José Marques e Fernando Jorge

Na ocasião referiu que “todos fizeram os possíveis para dar o melhor ao concelho, com abnegação e trabalho e em contextos particularmente diferentes do atual. Ao longo destes 80 anos houve tempos bons, com o apoio dos fundos comunitários mas também houve tempos difíceis em que alguns destes homens chegaram a tirar do seu próprio bolso para desenvolver o concelho”. A terminar mostrou-se confiante que o atual executivo irá fazer todos os possíveis para levar longe o nome do concelho.

 

Esta entrada foi publicada em Destaques, Oleiros. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *