EDITORIAL: ” O embuste…”

EDITORIAL

Cavaco Silva disse na Suécia que se todos os parceiros (FMI, BCE, UE, etc.,) dizem que Portugal não necessita de 2º resgate, porque serão os Portugueses a considerar que sim?

Compreensível, Senhor Presidente.

Toda esta gente está a receber e com juros bons (para eles) porque haveriam de considerar o que Portugal devia considerar?

Director

Num momento em que os capitais estrangeiros já sairam de Portugal (73% da dívida está na mão de aforradores portugueses e da banca portuguesa) o risco para esses “parceiros” é mínimo.

Mas enorme para Portugal.

Um “default” em Portugal, significa que a banca colapsará e necessitará de resgate, por isso o senhor Presidente ignora o que está a ser feito a Portugal e prefere que se continue a pagar…até à exaustão, até não haver impostos para recolher, nem reservas de pensões protegidas, nem empresas…

O Senhor Presidente procura a todo o custo que uma solução à Chipre não venha a ser aplicada em Portugal, mas, infelizmente, já não há muitos impostos para cobrar…a única coisa que tem sido feito.

Nem a notícia de que a Tróika aprovou as 8ª e 9ª inspecções é animadora.

É evidente que se o país paga, a Tróika aprova…não há segredo na matéria.

Pena que a generalidade dos portugueses não entenda o que se está a passar e, menos ainda, tenha quem lhe possa explicar.

Director

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Editorial. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *