Edição de Março do Jornal de Oleiros, 1ª página

1ª página de Março 2013

A partir de 3ª feira à noite, completo nas Vossas mãos. É um jornal forte, consistente, seguro. Seguramente vão apreciar.

Director

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Destaques, Oleiros com as tags . ligação permanente.

1 Response to Edição de Março do Jornal de Oleiros, 1ª página

  1. Lucília Rebouta diz:

    Coimbra vista por mim
    Coimbra fez-se á sombra de uma torre,e,lentamente aí morre.
    Vagueio pelas ruas da cidade, e relembro os tempos em que os vultos se atropelavam na intensa azáfama dos dias.Hoje poucos são os que por aqui passam,o espaço sobra,as portas permanecem fechadas em jeito de abandono.Destruiu-se a beleza arquitectónica para dar lugar a “mamarrachos” que são puras armadilhas para os transeuntes que ainda persistem nas suas caminhadas pela baixa.Os grandes projectos morreram na gaveta.Coimbra é uma cidade adormecida por falta de incentivos.Mas,falar de Coimbra é também falar de tradições,é falar da guitarra que se esconde sob a capa negra do estudante, que percorre a noite em busca de uma qualquer janela na qual liberta a sua serenata de amor.
    Coimbra é feita de história e de pedacinhos de histórias,que se prolongam nas lembranças de quem passa e no imortal fado de Coimbra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *