Oleiros deixa de pertencer ao Pinhal Interior Sul

“CIMT” Comunidade Intermunicipal do Médio tejo é o novo destino de Oleiros

. Castelo Branco perde importância?

. Que ganha Oleiros aproximando-se do centro?

Oleiros

A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT) vai formalizar esta sexta-feira a integração dos municípios do Pinhal Interior Sul, respondendo positivamente à vontade manifestada por estas autarquias. “Faz todo o sentido, porque temos vários concelhos em zona de serra, como Sardoal, Mação, Ferreira do Zêzere e parte de Tomar, e não há contradições” com a entrada destes municípios, referiu António Rodrigues, presidente da CIMT e da Câmara de Torres Novas.

Os municípios que vão passar para o Médio Tejo são os de Oleiros, Proença-a-Nova, Sertã e Vila de Rei (todos do distrito de Castelo Branco), abrangendo um território de perto de 1.500 quilómetros quadrados.

Estes eram os únicos a fazer parte da Comunidade Intermunicipal do Pinhal Interior Sul que foi constituída em Maio de 2008 e que agora se extingue.

A CIMT integra os municípios de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha, todos do distrito de Santarém.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Comunidades, Destaques, Economia, Oleiros. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *