Maria João Nascimento: a candidata da coragem!

Maria João Nascimento: a candidata da coragem!

Esta candidatura surge no seio de uma sociedade machista, racista, conservadora e cuja capacidade dos jovens é sempre questionada no que diz respeito à ocupação de cargos de poder, por isso, surgir uma candidatura como a da Maria João é sempre um ato de esperança e coragem.

A Maria João é candidata pelo Nós, Cidadãos à Junta de Freguesia do Sobral (com cerca de 160 eleitores), natural da Cova da Moura, mulher, jovem de 28 anos e negra.

É imensamente difícil  para mim escrever sobre alguém como a Maria, porque há muito que sou seu amigo, que gosto demasiado dela e que lhe reconheço muitos dos defeitos e virtudes. Contudo, não poderia deixar de o fazer, a consciência impera-me este artigo.

Como alguém disse há 4 anos, a Plataforma Mais Oleiros, agora, ” Nós, cidadãos “ , está a cumprir Abril em Oleiros, está a devolver a democracia às suas gentes, está a restituir a liberdade de pensar e decidir.

Foi em grande parte com este sentimento que a Maria aceitou o convite de ser candidata à  Junta de Freguesia onde reside.

Mas sei, também, que foi pela vontade e capacidade de fazer MAIS pela sua terra e pelas suas gentes que encabeçou este desafio.

Estou certo, que a população do Sobral conhece bem a lista que se apresenta pela plataforma de independentes, precisamente pelo altruísmo e disponibilidade das pessoas que a ingressam e pelas provas de capacidade que dão diariamente no trabalho que desenvolvem.

Essas são as caracterí­sticas que penso mais definirem o carácter da Maria João, e são por isso mesmo, aliado ao facto de pautar a sua vida pela lealdade e amizade, que acredito que a Maria será a grande e justa vencedora deste desafio.

Acredito na vitória!

Acredito na Maria e na sua lista!

Acredito que o Sobral pode ser melhor!

  • João Tomaz, Presidente da JS de Oleiros
Maria João Nascimento

Maria João Nascimento

 

Publicado em Destaques, Sobral | Tags , , | Publicar um comentário

Adega dos Apalaches no Roqueiro (Oleiros) uma referência a fixar

A TVI visitou a região de Oleiros e, naturalmente, esteve na Adega dos Apalaches no Roqueiro (Oleiros)

Era inevitável.

Deixamos com agradecimento à TVI algumas imagens que mostram a Amiga Maria da Conceição Rocha, Ilustre Embaixadora a mostrar as iguarias e a explicar a razão das mesmas.

Marque na agenda.

Maria da Conceição Rocha explica

Maria da Conceição Rocha explica

Presidente da Confraria António Fernandes, Presidente da Câmara Fernando Jorge e Comendador José Santos Marques

Presidente da Confraria António Fernandes, Presidente da Câmara Fernando Jorge e Comendador José Santos Marques

Cabrito Estonado

Cabrito Estonado

Publicado em Destaques, Oleiros | Tags | Publicar um comentário

Alberto Ladeira, 30 anos de carreira ao serviço da região

30 anos de carreira de Alberto Ladeira em exposição

Retrospetiva” é o nome da exposição que reflete exactamente algumas das melhores fotografias captadas por Alberto Ladeira ao longo de 30 anos de carreira. Inaugurada no dia 6 de agosto, esta exposição estará patente até ao dia 31 de agosto no auditório da Santa Casa da Misericórdia de Oleiros.

Marcada por muitas emoções, a inauguração reuniu família, amigos, Oleirenses e muitos dos que ajudaram a fazer do percurso de Alberto Ladeira, o sucesso que é hoje.

No seu discurso, colocou-se no lugar de filho da terra, em retrospetiva do trabalho desenvolvido em Oleiros ao longo de 30 anos. Num agradecimento emocionado à família e aos que já não estão presentes, salientou ainda os contributos dos conterrâneos e o apoio da Câmara Municipal de Oleiros.

A viagem pela exposição começou mesmo antes da entrada no auditório, com a apresentação do álbum da exposição e dos temas que o compõem.

As fotos e o testemunho de cada temática feito pelo autor ficaram completos com os textos de Jaime Pires.

Assim, as fotos foram divididas nos seguintes temas: Retrospetiva 30 anos; Ribeira de Oleiros; Rio Zêzere; Linho; Artes e Ofícios; Serra do Moradal; Indústria; Incêndios; Gentes; Cultura, Desporto e Espetáculos; Gastronomia; Água d’Alta; Fotos de Autor e Arte Sacra.

O interior da exposição reserva verdadeiras riquezas do nosso território e das nossas gentes eternizados de forma ímpar.

Por fim, Alberto Ladeira lançou o repto: “Viagem comigo, nesta linha do tempo e através do que eu observei consigam ver não só a minha história, mas a nossa história.”

Nota do Director: Alberto Ladeira, um enorme profissional ao serviço da região, é um marco. O Jornal de Oleiros nunca terá como lhe agradecer a amizade e o apoio. Sabemos que nada disso o move, mas desejamos assinalar a nossa gratidão e, dia 12, expressamente iremos ver a importante Exposição “Retrospectiva” a Oleiros.

Exposição "Retrospectiva" de Alberto Ladeira

Exposição “Retrospectiva” de Alberto Ladeira

Alberto Ladeira

Alberto Ladeira

 

Publicado em Castelo Branco, Destaques, Oleiros | Tags , | Publicar um comentário

Listas para as Autárquicas serão hoje conhecidas

Com o prazo de entrega nos Tribunais a terminar hoje pelas 18 horas, em breve serão conhecidas todas as candidaturas, incluindo as que não vierem a concretizar-se.

A expectativa no país para grandes surpresas é baixa.

Subsistem as notas do regresso dos chamados “dinossauros” nome atribuído aos que já foram presidentes e não resistem ao apelo do regresso.

Nomes como Narciso Miranda em Matosinhos, Carlos Pinto na Covilhã, Isaltino Morais em Oeiras, Jaime Ramos em Coimbra, são agora Independentes, alguns com hipóteses.

A actual dinâmica ascendente do PS não deverá permitir grandes surpresas e o PS deverá aumentar substancialmente o número de Câmaras em que liderará.

Estas Eleições voltam a levantar o problema do excesso de assinaturas exigidas aos Independentes. Saliência para a “Batalha dos 3 Presidentes” em Oeiras, onde Paulo Vistas (actual Presidente) defronta Isaltino Morais (ex – Presidente) e o PS apresenta o ex – Presidente da Amadora, Joaquim Raposo.

Dúvidas existem em Cascais onde Gabriela Canavilhas pode tirar a maioria absoluta a Carlos Carreiras ou mesmo ganhar a Câmara de acordo com sondagens.

Gabriela Canavilhas PS Cascais

Gabriela Canavilhas PS Cascais

Expectativas na região, apenas na Covilhã onde se admite um bom resultado para Carlos Pinto que pode desalojar o actual Presidente do PS e em Castelo Branco espera-se um resultado positivo de Carlos Almeida que dificilmente lhe dará a Câmara.

Carlos Pinto, Independente,Covilhã

Carlos Pinto, Independente,Covilhã

Nos restantes concelhos do Distrito deverão manter-se os actuais Presidentes, em alguns casos pelo excelente trabalho realizado ( Proença-a-Nova, Idanha-a-Nova, Vila Velha de Ródão e Penamacor bem como o Fundão) e, nos restantes, até pela falta de população, casos de Vila de Rei e Oleiros, o poder permanecerá intocado.

Sintra é outra expectativa, com Marco Almeida apoiado pelo PSD, pode tornar mais difícil a vitória do actual Presidente, no Porto a incógnita tal como em Lisboa é apenas a expressividade das vitórias de Rui Moreira e Fernando Medina.

Entraremos agora no período de pré-Campanha e depois da campanha e dia 1 de Outubro à noite se verá a cor do país.

Publicado em Castelo Branco, Covilhã | Tags | Publicar um comentário

I Conselho Distrital da JSD reuniu em Proença-a-Nova

I CONSELHO DISTRITAL APROVA PROPOSTAS DA JSD

Proença-a-Nova recebeu a primeira reunião do órgão máximo dos jovens sociais democratas

A vila de Proença-a-Nova acolheu, na passada sexta-feira, dia 4 de Agosto, o primeiro Conselho Distrital da JSD Castelo Branco do mandato 2017-2019.

Além do habitual período de informações e prestação de contas pelos primeiros dois meses de mandato, a Comissão Política Distrital pronunciou-se sobre as moções setoriais aprovadas no IV Congresso desta estrutura. Com efeito, a moção “Saúde em Territórios de Baixa Densidade”, apresentada pela JSD Sertã, mereceu indicação de aprofundamento e alargamento do âmbito territorial para possível apresentação no próximo Congresso Nacional da jota; a Moção “AJ”, que aborda a necessidade de formação específica aos dirigentes de associações juvenis, submetida pela JSD Fundão, será encaminhada para todas as Concelhias do distrito, para, caso desejem, as possam apresentar como proposta aos respetivos executivos camarários, quer através dos Conselhos Municipais de Juventude, quer em carta dirigida ao edil; e, por último, a moção “A Floresta – Pinhal Interior Sul”, subscrita pelas Concelhias da JSD de Oleiros, Sertã, Proença-a-Nova e Vila de Rei, será integrada no Projeto Político que a JSD Distrital Castelo Branco lançará nos próximos dias e que englobará todo o mandato.

A assembleia magna viu ainda serem apresentadas as propostas do órgão executivo no que toca à delegação de competências e ao Regulamento Interno Distrital, que foram merecedoras de aprovação por unanimidade e aclamação.

Houve ainda oportunidade para apreciar o Plano Orçamental para o semestre e o Plano de Comunicação que guiará a equipa durante os próximos dois anos.

Por último, foram analisadas as temáticas conjunturais da política nacional e regional. Os dirigentes juvenis debruçaram-se, em particular, na problemática dos incêndios que afetaram aquela região e já 80% dos municípios do distrito, na estratégia governamental de controlo da despesa através de cativações, na dívida pública do país e nas políticas de juventude – com especial relevo para a falha no cumprimento da promessa do Secretário de Estado da Juventude e Desporto em divulgar o relatório produzido pelo grupo de trabalho para a revisão da lei do associativismo jovem até julho do presente ano – e, por fim, no papel dos jovens nas eleições autárquicas.

A JSD Distrital de Castelo Branco pretende, assim, continuar a trilhar o caminho já reconhecido de acompanhamento dos jovens da região, bem como da apresentação de propostas exequíveis e devidamente fundamentadas para o futuro da Beira Baixa.

JSD, I Conselho Distrital em Proença-a-Nova

JSD, I Conselho Distrital em Proença-a-Nova

JSD em Proença

JSD em Proença

 

 

Publicado em Castelo Branco, Destaques | Tags , | Publicar um comentário

Feira do Pinhal em Oleiros começa dia 9 com programa ambicioso

Feira do Pinhal está de volta na próxima semana 

A 17ª edição da Feira do Pinhal começa já no próximo dia 9 até 13 de agosto e conta com 115 expositores de excelência, vindos dos mais variados pontos do país.

A abertura oficial será pelas 18H30, com a presença do Secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches e ainda com a atuação dos Bombos de Saint Doulchard (França).

No dia da abertura será Mickael Carreira a inaugurar o Palco Principal, seguido de Miguel Agostinho no Palco Secundário. Na quinta-feira dia 10, é Augusto Canário o responsável pela animação a partir da meia noite, seguido de Tiago Silva no Palco Secundário.

No entanto, antes destas atuações, o recinto da Feira do Pinhal possui ainda um Palco Cultural por onde passam associações e artistas do concelho.

A partir das 20 horas de quarta-feira, atua o acordeonista Abílio Alves; às 22 horas de quinta-feira atua o Grupo de Danças e Cantares do GAIO; pela mesma hora, sexta-feira atua a Sociedade Filarmónica Oleirense e por fim, no sábado também às 22 horas atua o Rancho Folclórico e Etnográfico de Oleiros.

O grande destaque cultural do programa continuam a ser os espetáculos apresentados pelo Grupo Luso Pirotecnia / Luso Events, sendo neste âmbito que a Feira do Pinhal se distingue das restantes festas da zona Centro e até do País. A 11 de agosto às 01H10, o Largo do Município recebe o espetáculo “Galileo”, pela Companhia francesa Deux Ex Machina.  “Galileo” é uma estreia nacional e contempla circo aéreo, corda lisa teia e trapézio dança aérea, com final pirotécnico.

Ainda neste dia, decorre a Festa da Dança no recinto de Festas de Santa Margarida com os Dj’s Menasso e Grouse.

Como habitual a Feira do Pinhal encerrará ao domingo com o início das comemorações do Dia do Concelho na madrugada de 13 para 14 de agosto.

O tão esperado espetáculo piromusical a cargo da Pirotecnia Oleirense dá este ano pelo nome de “Estrelas”.

Este espetáculo é desenhado para ser visto no recinto de Festas de Santa Margarida com uma envolvência 360o.

As comemorações continuam com a atuação dos ÁTOA, seguindo-se o Grupo Função Públika.

Num misto de cultura, artesanato, espetáculos, animação de rua e gastronomia, a 17ª edição da Feira do Pinhal volta a demonstrar a sua consolidada notoriedade, trazendo anualmente milhares de pessoas a Oleiros.

Além de estimar as tradições, este certame adapta-se a todos os públicos e procura manter os padrões de inovação e qualidade a que já habituou os visitantes.

Nota aos nossos Leitores

Este ano o Jornal de Oleiros não estará presente no recinto com stand. A transformação do Jornal e a sua dimensão no país e no mundo determinaram a passagem a online, consolidando a sua presença e influência e com uma melhor oferta aos Leitores e Amigos. Quando antes o Jornal chegava em papel 1 vez por mês, hoje chega semanalmente e sem custos a todos os Leitores. Assinando no site do jornal a NewsLetter, sem custos, estamos ainda mais presentes e de forma mais activa. A todos os que nos seguem, uma excelente Feira do Pinhal.

Assine a NewsLetter do Jornal de Oleiros, semanal e sem custos

Assine a NewsLetter do Jornal de Oleiros, semanal e sem custos

Feira do Pinhal 2017

Feira do Pinhal 2017

Publicado em Destaques, Oleiros | Tags , | Publicar um comentário

BE com candidaturas credíveis na Covilhã

O Bloco faz falta!

A transparência e seriedade que caracterizam a forma de trabalhar do Bloco, à muito fazem falta na Covilhã!

É o que pretendemos com as candidaturas que submetemos às próximas eleições autárquicas de 1 de Outubro.
Aportar transparência, seriedade, competência e proximidade à politica do Concelho. Devolver as cidades e as freguesias à sua população, retirando-a da subjugação aos interesses e às politicas desastrosas destes últimos 25 anos.
As pessoas devem voltar a ter nas mãos as decisões que vão influenciar o presente e o futuro, e para isso​ apelamos a uma forte participação nestas eleições.
Com a desastrosa classificação no índice de transparência Municipal, com o 202º lugar em 308 municípios, podemos verificar a pouca importância que no passado, os sucessivos governos locais, atribuíram aos pilares mais importantes de qualquer gestão, DEMOCRACIA e TRANSPARÊNCIA, promovendo a descredibilização​ da política e a cada vez menos participação das populações.
O poder local, que deveria estar mais próximo das suas gentes, é o que menos contas presta, que mais esconde, fazendo crescer o sentimento de impunidade que hoje se atribui aos políticos e a tudo o que os envolve.

Não devemos ter receio de mostrar as contas, divulgar decisões e informar abertamente quem nos eleger.
Somos uma nova equipa que procura uma nova forma de fazer política, pondo o interesse público em primeiro lugar.
Queremos iniciar um novo ciclo autárquico, que invista e valorize as pessoas, que pense e reestruture as cidades, vilas e aldeias, que reinvente o comércio e melhor distribua a riqueza, e que não promova de modo nenhum a exclusão social.”

Câmara Municipal da Covilhã

João José de Sousa Corono, 63 anos, Gerente de Hotelaria, Restauração e Bebidas, ex-Delegado Sindical e Membro do 1º e 2º Secretariado do Sindicato da Função Publica Zona Sul e Açores.

Forte participação no movimento Associativo, Cultural e Desportivo da Covilhã, nomeadamente como membro fundador do Grupo de Intervenção Cultural da Covilhã (Teatro das Beiras) onde foi dirigente e actor. Esteve na fundação do Clube de Campismo e Caravanismo da Covilhã e foi atleta, treinador (camadas jovens) e dirigente do extinto Sport Covilhã e Benfica. Esteve na fundação do Grupo Humanitário dos Dadores de Sangue, foi menbro do Secretariado da Comissão Cívica dos 40 anos do 25 Abril e é Presidente da Assembleia Geral do Arsenal F.C. de S.Francisco. Foi ainda membro fundador da Casado Benfica da Covilhã.

Assembleia Municipal da Covilhã

Nuno Cruz, independente, 28 anos, é natural de Vila Nova de Gaia, residente na Covilhã à 10 anos.

É licenciado em Sociologia e frequenta o mestrado de Pobreza e Políticas Sociais na Universidade da Beira Interior. Foi presidente do núcleo de estudantes de Sociologia da UBI e atualmente é assistente de loja para o grupo Altice. Ao longo do seu percurso académico criou o seu próprio negócio e passou por um call center enquanto completava a licenciatura, sempre na Covilhã.

Assembleia de Freguesia da Covilhã

Nuno Pinto, independente, 40 anos. Natural da Covilhã (Freguesia de Santa Maria). Vigilante de profissão. Ensino secundário completo na área de secretariado, e frequência universitária em Estudos Linguísticos na Universidade Aberta (Uab) Curso de controlo de qualidade para a indústria têxtil e curso inicial formação de formadores. Ex-árbitro da AFCB e passagem pelo associativismo tendo exercido função de secretário no CCD Leões da Floresta.

Contactos:

João Corono – 961133756

Nuno Cruz – 969323963

Nuno Pinto – 910681826

Candidatos do BE na Covilhã

Candidatos do BE na Covilhã

Publicado em Covilhã | Tags , | Publicar um comentário

Unidade de Missão para Valorização do Interior no local adequado

João Paulo Catarino lidera a Unidade de Missão para valorizar o Interior

Ex-Autarca enquanto Presidente da Câmara de Proença-a-Nova, profundo conhecedor dos problemas do interior do país e das florestas portuguesas, João Paulo Catarino é uma nova esperança.

Acresce a decisão de instalar esta Unidade de Missão em Pedrógão Grande ao invés de estar sedeada em Lisboa e, esta é uma decisão de aplaudir.

Fica agora uma nova esperança nas regiões do interior mais desfavorecidas e os nossos votos de sucesso.

João Paulo Catarino

João Paulo Catarino

Publicado em Destaques, Economia | Tags | Publicar um comentário

A Morte do Palácio Mortuário (que antes de o ser, já não o era)

A Morte do Palácio Mortuário (que antes de o ser, já não o era)

A freguesia de Oleiros há muito que carece de uma Casa Mortuária, projeto que tem vindo a ser sucessivamente adiado.

Contudo, depará-mo-nos há poucos meses com um projeto megalómano que viria suprimir esta necessidade, mas que, simultaneamente viria também contribuir para uma onda de contestação, desagrado e ruína paisagística da zona histórica do centro da Vila.

O Palácio Mortuário que estava pensado e cuja obra começou a ser executada era, do ponto de vista arquitetónico: bonito, mas completamente desajustado pelas suas dimensões e linhagem moderna.

A execução desta aberração, foi um completo disparate, o executivo camarário demostrou uma clara falta de sensibilidade para ouvir e sentir a nostalgia e afetividade de quem naquela zona cresceu, viveu, brincou e namorou pela primeira vez.

Apesar de tudo isto, o executivo pretendeu avançar com este projeto, numa lógica de “Ensaio sobre a cegueira“, contra a vontade popular, que veio agora mostrar a sua força ao conquistar o embargo da mesma!

Tudo não passou de uma “Crónica de uma morte (mais que) anunciada“, o que era evidente, vindo de um Presidente que não é do Concelho, não conhece a sua população e que claramente nunca leu, de Saramago: “As intermitências da morte“, pois, se assim o tivesse feito, perceberia que até a personificação desta, cede ao coração, emoção e nostalgia das suas gentes.

  • João Tomaz
Casa Mortuária Antiga, * Foto Cristina Matos

Casa Mortuária Antiga,  *Foto Cristina Matos

 

 

Publicado em Oleiros, Opinião | Tags , | Publicar um comentário

“Plataforma Mais Oleiros” com “Nós Cidadãos” em Oleiros nas autárquicas

“Mais Oleiros” vai a votos em Oleiros com o “Nós Cidadãos”

Já foi firmado o acordo entre as duas entidades e, desta forma se fica a conhecer os candidatos a Oleiros em 1 de Outubro.

Professor Mendo Castro Henriques na assinatura do Protocolo.

"Mais Oleiros" com "Nós Cidadãos" nas Eleições Autárquicas

“Mais Oleiros” com “Nós Cidadãos” nas Eleições Autárquicas

Publicado em Destaques, Oleiros | Tags | Publicar um comentário