Portela ( Oleiros ) é a primeira Aldeia Segura do Distrito de Castelo Branco

Primeira “Aldeia Segura” do distrito localiza-se em Oleiros

O concelho de Oleiros é o primeiro do distrito de Castelo Branco a implementar o projeto “Aldeia Segura, Pessoas Seguras”.

Este projeto resulta de uma articulação entre o Comando Distrital de Operações de Socorro de Castelo Branco (CDOS) e, neste caso, o Serviço Municipal de Proteção Civil da Câmara Municipal de Oleiros.
No passado dia 17 de maio decorreu na localidade de Portela, pertencente à Junta de Freguesia Estreito-Vilar Barroco, uma das ações/exercícios.

A presença do vice-presidente da Câmara Municipal, Victor Antunes, e também de vários Presidentes de Junta do concelho, reflete exatamente a base deste projeto que visa atribuir especial relevância a Municípios e Freguesias , no sentido de os capacitar com vista a dotá-los de conhecimento técnico, recursos didáticos e instrumentos de apoio à resiliência da população nestes cinco eixos fundamentas: proteção dos aglomerados; prevenção de comportamentos de risco; sensibilização e aviso à população; evacuação de aglomerados; e locais de abrigo e refúgio.

Em declarações à Rádio Condestável, Francisco Peraboa, Comandante Operacional Distrital de Castelo Branco da Proteção Civil, explicou que está ciente de que “mais cedo ou mais tarde as mais-valias e os frutos da implementação destes programas virão ao de cima e irão replicar-se pelo distrito”. “Quando não temos um oficial de segurança podemos ter dois ou três, subdividir o aglomerado em vária secções e fazer pequenas adaptações à especificidade do aglomerado”, explicou ainda.

O vice-Presidente da Câmara Municipal de Oleiros revelou a importância de garantir a segurança de pessoas e dos seus bens, não só através deste projeto, mas também de outras medidas e ações de acompanhamento/sensibilização que têm chegado a todo o concelho e nas quais Victor Antunes garante que, “pelos sítios onde temos passado, no tocante aos perímetros e às faixas de segurança, quer ao redor dos aglomerados, quer até mesmo às próprias habitações isoladas, o que se verifica é que de facto as pessoas estão sensibilizadas para esta problemática, vê-se que se empenharam”.

Portela (Oleiros) Aldeia Segura

Portela (Oleiros) Aldeia Segura

Publicado em Bombeiros, Destaques, Oleiros | Tags , | Publicar um comentário

PSD de Castelo Branco toma posição face a recentes notícias relativas à gestão do Presidente Luís Correia

Pela importância da matéria em causa, transcrevemos na íntegra a posição do PSD de Castelo Branco relativamente a recentes notícias públicas sobre a gestão da Câmara de Castelo Branco

“A Comissão Política do PSD de Castelo Branco confrontada com as informações do
Jornal Público, do dia 21-05-2018, sob o título «Câmara de Castelo Branco
contrata empresas da família do Presidente» manifesta a sua tomada de posição:
1º. As preocupações evidenciadas no período de campanha eleitoral autárquica em
torno das questões da transparência da gestão municipal ganharam agora uma
dimensão significativa, com eco na comunicação social a nível nacional.
Sublinhamos, ainda, que esta mesma preocupação tem sido manifestada de forma
reiterada nas reuniões do executivo camarário por parte dos vereadores do PSD.
Este cruzamento de interesses entre as atividades económicas das famílias do Sr.
Presidente da Câmara e o Município de Castelo Branco são ética e moralmente
reprováveis, não podendo ser branqueado ou menosprezado com a justificação
leviana que se tratou de um «lapso evidente e ostensivo», como referiu Luís Correia.
O PSD repudia esta opacidade na gestão pública, flagrantemente desconforme com o
regime jurídico das incompatibilidades e impedimentos dos titulares de cargos
políticos.
2º. O PSD Castelo Branco entende que princípios elementares de legalidade foram
postos em causa com estas práticas, por parte do Presidente Luís Correia, no exercício
das suas funções ao longo de vários anos.
A Comissão Politica Concelhia do PSD constata que a governação autárquica de Luís
Correia fica, indelevelmente, marcada pela falta de transparência.

É uma imagem de marca manifestamente negativa e um exemplo pouco edificante para as gerações vindouras.

Tendo em vista um cabal esclarecimento desta situação promiscua e, aparentemente,
lesiva do interesse público, o PSD de Castelo Branco irá remeter toda a informação e
documentação disponíveis para as respetivas entidades competentes a fim que as
mesmas se pronunciem.
Sem prejuízo das possíveis consequências legais, o Presidente da Câmara Luís Correia,
devia, ainda assim, retirar as devidas ilações políticas.
Reafirmamos assim o nosso compromisso, em nome de todos os albicastrenses, de
continuar a trabalhar para Dar Ambição a Castelo Branco.”

PSD

PSD

Publicado em Castelo Branco, Destaques | Tags , , | Publicar um comentário

D. António Marto vai ser Cardeal

. Não apoia ostentação, o branco vai imperar na sua vida futura

. A idade e a proximidade com o Papa Francisco, coloca D. António Marto como sério candidato a Papa.

O Papa Francisco anunciou este domingo, em Roma, que o bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, vai ser nomeado cardeal.

O consistório (reunião de Cardeais que aconselham o Papa) para a criação de 14 novos cardeais vai ocorrer a 29 de junho, no Vaticano.

António Augusto dos Santos Marto tem 71 anos e é Bispo de Leiria-Fátima desde 2006. Em 2017, por ocasião da celebração do centenário de Fátima, recebeu o Papa Francisco na visita que fez ao país.

Segundo comunicado de imprensa do Vaticano, o Papa afirma que a nomeação dos 14 novos Cardeais “expressa a universalidade da Igreja que continua a proclamar o amor misericordioso de Deus a todas as pessoas na terra.”

O mesmo documento pede aos fiéis que rezem pelos novos cardeais.

Nomeação “reforça a ligação do Papa com Fátima”

O vigário-geral da diocese de Leiria-Fátima, padre Jorge Guarda, o braço direito de D. António Marto, considerou, que a nomeação “reforça a ligação do Papa com Fátima”.

O que pesa nesta nomeação é, sem dúvida, a figura do D. António, pelo seu serviço à Igreja e pela sua dedicação, mas também o contexto em que ele se insere. O facto de ser bispo de Fátima contribuiu, sem dúvida“, sublinhou o padre Jorge da Guarda.

D. António Marto

D. António Marto

Publicado em Comunidades, Destaques, Igreja católica, Nacional | Tags , | Publicar um comentário

Portugal perde um dos seus mais ilustres – António Arnault

Faleceu o Dr. António Arnault.

Tinha 82 anos.

Ilustre Advogado, foi Ministro dos Assuntos Sociais e fundador do Serviço Nacional de Saúde.

Homem íntegro, era justamente Presidente Honorário do Partido Socialista.

O nosso Jornal e o Director apresentam condolências aos familiares, camaradas e ao País em geral.

Dr. António Arnault

Dr. António Arnault

Publicado em Comunidades, Destaques, Imprensa, Inclusão, Justiça, Nacional | Tags , | Publicar um comentário

Agência Portuguesa do Ambiente apoia Oleiros

Oleiros obtém apoio de um milhão e dezasseis mil euros por parte da Agência Portuguesa do Ambiente para requalificação das linhas de água afetadas pelos incêndios de 2017

O Município de Oleiros acaba de celebrar com a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) um protocolo de colaboração que visa regular os termos e condições de natureza operacional a promover pelas duas entidades no âmbito da Resolução do Conselho de Ministros n.º 11-A/2018, de 7/2, a qual autoriza a despesa necessária para assegurar a execução de diversas medidas relativas à requalificação nas Linhas de Água afetadas pelos incêndios de 2017.

Na sequência dos incêndios ocorridos entre agosto e outubro de 2017, foram realizadas reuniões entre a APA e os municípios das áreas afetadas, para a definição de Medidas de Requalificação nas Linhas de Água afetadas pelos incêndios de 2017.         

Estas medidas têm como principais objetivos garantir o escoamento das linhas de água; Minimizar a erosão e o arrastamento dos solos; Minimizar o efeito de cheias e inundações; e Assegurar o uso balnear.

Nos termos do protocolo, cabe à APA “executar de modo adequado as suas responsabilidades, incluindo as obrigações de informação e de cooperação, bem como “assegurar o financiamento necessário à sua execução”. Para isso, a APA suportará encargos até ao montante de 1.016.000,00 € sendo 40% do encargo global disponibilizado no prazo de 30 dias após a assinatura do protocolo.

O remanescente será pago em três tranches de 20% cada, desde que seja previamente demonstrada a execução física e financeira do montante transferido, mediante a apresentação de relatórios que devem identificar, pelo menos, o projeto, os encargos previstos e executados e respetivas taxas de execução.

Por seu lado, as obrigações do Município de Oleiros passam por afetar à execução do protocolo os meios humanos, materiais e informáticos que sejam necessários e adequados, lançar os procedimentos de contratação nos termos do Código da Contratação Pública, tendo em vista a adjudicação das intervenções de regularização das linhas de águas, assegurar a fiscalização dos trabalhos das empreitadas, analisar as propostas e adjudicar as obras, entre outros aspetos.

Presidente de Oleiros

Presidente de Oleiros

Publicado em Destaques, Oleiros | Publicar um comentário

Bio região de Idanha apontada como exemplo

Idanha-a-Nova

Bio Região de Idanha apontada como exemplo

Idanha-a-Nova, a primeira Bio Região em Portugal, foi convidada a partilhar a sua experiência na Conferência Internacional das Bio Regiões, que decorreu no dia 11 de maio em Braga.

A Bio Região de Idanha-a-Nova esteve representada por Armindo Jacinto, presidente da Câmara Municipal, por Catarina Pereira, presidente do Centro Municipal de Cultura e Desenvolvimento, e por Jean-Claude Rodet, do Centro Documental Raiano, instituição ao serviço da produção biológica e da saúde natural que tem sede em Idanha.

Nesta conferência, Armindo Jacinto foi convidado a apresentar a estratégia de Idanha-a-Nova como Bio Região, pelo seu carácter pioneiro que tem dinamizado a criação de uma rede de bio regiões no país.

A adesão de Idanha-a-Nova à Rede Internacional de Bio Regiões [em fevereiro deste ano] tem permitido trabalhar e promover as potencialidades do concelho, desde as empresas aos produtos turísticos, gastronómicos, culturais, entre outros, de uma forma diferenciadora e mais sustentável”, sintetiza Armindo Jacinto.

A conferência inseriu-se na Agro 2018, feira internacional de agricultura em Braga.

Neste evento, o Município de Idanha-a-Nova também marcou presença com o espaço idanha.pt onde promoveu as potencialidades do território.

Armindo Jacinto

Armindo Jacinto

Armindo Jacinto

Armindo Jacinto, Jean Claude Roude e Catarina Pereira

Publicado em Destaques, Idanha-a-Nova | Tags , | Publicar um comentário

Ribeira da Isna presta homenagem a Carlos Rodrigues

 

Associação Ribeira da Isna ( Oleiros ) vai realizar Convívio de Pesca de 2018 em homenagem ao associado e amigo Carlos Rodrigues falecido em 2017.

Saiba mais e inscreva-se

Ribeira da Isna

Ribeira da Isna

Publicado em Desporto, Destaques, Isna | Tags , | Publicar um comentário

Nasceu em Oleiros a “IMONAT”, uma imobiliária identificada com a região

A “IMONAT” é já uma realidade e, com experiência do António Nunes e a sua capacidade empreendedora será um importante contributo para a região, pois, conhece bem e possui uma equipa que o complementa.

Este nosso Amigo é um empreendedor fantástico.

Desejamos o maior sucesso e, estamos seguros, será importante factor agregador da captação de famílias para Oleiros e região interior.

Imonat em Oleiros

Imonat em Oleiros

Imonat em Oleiros

Imonat em Oleiros

Publicado em Destaques, Estreito, Oleiros | Tags , | Publicar um comentário

“LAFA”, Liga dos Amigos da Freguesia da Amieira celebra 41 anos

É já no dia 19 de Maio que a LAFA celebra 41 anos

Presidida por Francisco António, a data é sempre um acontecimento mobilizador que atrai centenas à outrora Freguesia da Amieira, hoje integrando a de Oleiros com o nome de ambas.

O dia inicia-se com a tradicional missa, prossegue com o almoço e a realização da Assembleia Geral que elege a nova direcção.

Não se conhecendo ainda a existencia de listas, acredita-se que Francisco António, anteriormente também Presidente da Freguesiaa da Amieira será reeleito caso se apresente a Eleições o que nos parece seguro.

Os interessados em articipar devem inscrever-se pelos telemóveis 965 622 621 e 963 776 742 facilitando assim a gestão de meios envolvidos.

Igreja da Amieira

Igreja da Amieira

Presidente da Lafa, Francisco António

Presidente da Lafa, Francisco António

Publicado em Amieira, Destaques, Oleiros | Tags , | Publicar um comentário

Recriação da chegada de Pedro da Fonseca a Proença-a-Nova

Recriação da chegada de Pedro da Fonseca leva centenas ao mercado quinhentista

A recriação histórica da chegada de Pedro da Fonseca com o Santo Lenho, o pedaço da cruz de Cristo crucificado recebido por Pedro da Fonseca pelos seus préstimos enquanto conselheiro do Papa Gregório XIII em Roma, foram os fatos históricos relembrados na iniciativa “A Lenda do Santo Lenho” que aconteceu a 3 e 5 de maio, no Largo Pedro da Fonseca, em frente à Igreja Matriz de Proença-a-Nova.

Pedro da Fonseca, o filósofo jesuíta que ficou conhecido por Aristóteles Português, é natural do concelho e regressado a Proença-a-Nova ofereceu este artefacto à Misericórdia, um dos fatos históricos retratados nesta encenação que trouxe ao Largo Pedro da Fonseca centenas de pessoas nos dois dias do evento que quiserem conhecer a história de Proença-a-Nova.

O Santo Lenho tornou-se então num símbolo de culto e fé, ao qual a população pedia proteção em situações de intempéries, secas, pragas e outras doenças e hoje está exposto na Capela da Misericórdia, que abre anualmente no dia de Santa Cruz, 3 de maio. Este dia foi durante anos feriado municipal, mantém-se, no entanto, a feira anual e a devoção que faz parte da história e da cultura do concelho e que o Município quer pretende preservar.

Desta forma esta iniciativa dividiu-se em duas partes: na manhã de 3 de maio, quinta-feira, e na tarde de 5 de maio, sábado. A história do Santo Lenho também se cruza com outro marco da história de Proença-a-Nova: a passagem das tropas comandadas pelo general Junot, durante as invasões francesas.

Diz a lenda que o Santo Lenho caiu em poder dos franceses, mas que por milagre se transformou em lata e eles a abandonaram.

Além da recriação histórica, o Professor António Manuel Silva, reitor da Universidade Sénior, deu uma palestra onde relembrou os fatos mais importantes da vida e obra de Pedro da Fonseca, que muitos desconhecem, contextualizando o âmbito desta iniciativa. A animação do mercado quinhentista contou com duas peças de teatro, um concerto de música coral, coreografias e danças e encerrou com um espetáculo de fogo.

Inserida no projeto “Beira Baixa Cultural” – cofinanciado no âmbito do Centro 2020, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional da União Europeia, promovido pela Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa (CIMBB), esta recriação contou com a participação do Grupo de Teatro Vaátão e com os alunos da Universidade Sénior de Proença-a-Nova e com o apoio do Agrupamento de Escolas de Proença-a-Nova e Instituto Vaz Serra.

Lenda do Santo Lenho

Lenda do Santo Lenho

Lenda do Santo Lenho

Lenda do Santo Lenho

 

Publicado em Destaques, Proença-a-Nova | Tags , , | Publicar um comentário