Cabrito Estonado atrai visitantes de todo o país a Oleiros

Cabrito Estonado e Vinho Callum atraíram visitantes de todo o País

O Festival do Cabrito Estonado e do Vinho Callum realizou-se nos dias 24, 25, 30 e 31 de março e 1 de abril no Jardim Municipal de Oleiros.

O sucesso deste evento é já inquestionável, sendo a marca “cabrito estonado” cada vez mais afamada. Este facto foi atestado pela quantidade de visitantes vindos de todo o País que passaram pelo Festival.

Com um percurso de assumida melhoria, o Município continua a trabalhar para impulsionar a restauração oleirense com um programa cultural que enriquece o evento. A lotação esgotou mais uma vez para provar o afamado cabrito assado em forno de lenha com a pele, e por isso “estonado” e não “esfolado”.

Nesta edição o Vinho Callum ganhou um novo impulso, com o I Encontro de Produtores de Vinho Callum do Concelho de Oleiros que reuniu cerca de 35 produtores em conjunto com o enólogo, Pedro Teixeira, e com Sérgio Nunes, impulsionador de um projeto de implementação desta casta no nosso concelho. Em ambiente de convívio esclareceram-se dúvidas e sobressaiu a vontade geral de aumentar a produção deste Vinho.

Culturalmente o Festival voltou a destacar-se por aliar música, animação, tradições e conhecimento.

Nos cinco de dias de Festival, passaram pelo palco: Mr Jones Acústico, Senza com a participação especial de Rão Kyao, e ainda o Baixinho do Fado.

As Tunas voltaram a ter uma noite exclusiva com a presença do Coral Quecofónico do Cifrão e ainda da Desertuna. A animação de rua contou com os gaiteiros Carriços e com o grupo de percussão tradicional Chibatas. As tradições mantiveram o habitual destaque, com casa cheia para ver o Rancho Folclórico e Etnográfico de Oleiros e o Grupo de Danças e Cantares do GAIO. De realçar a grande afluência de participantes na Oficina de Produção de Queijo de Cabra, conduzida por Conceição Barata.

A transmissão de conhecimentos baseada no saber-fazer demonstra ser um fator importante para os visitantes, que tiveram a oportunidade de levar para casa o seu próprio queijo.

Ainda na gastronomia o chefe André Ribeiro explicou o que fazer “Depois do Cabrito Estonado” perante uma plateia repleta. Empadas, croquetes, bolinhas de arroz de miúdos entre outros petiscos, fizeram as delícias dos presentes e demonstraram a versatilidade de uma carne tão rica como a de cabrito.

No recinto do evento era ainda possível adquirir artesanato, licores, bolos tradicionais, filhós, vinho callum e produtos regionais, disponíveis para venda e para consumo nas tasquinhas presentes.

Sob o lema “Breath and Taste / Prova e Inspira Beira Baixa”, o Festival do Cabrito Estonado e Vinho Callum é organizado pelo Município de Oleiros e realiza-se no âmbito do Projeto Âncora de Animação do PROVERE BEIRA BAIXA: TERRAS DE EXCELÊNCIA, cofinanciado pelo Centro2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional).

Cabrito Estonado, Oleiros

Cabrito Estonado, Oleiros

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Oleiros com as tags , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *