Dia 24 de fevereiro, ” Fumeiro e sopas tradicionais no Mosteiro ” em Oleiros

Fumeiro e Sopas Tradicionais no Mosteiro

Na sequência da primeira ação da iniciativa “Dez Freguesias, Dez Experiências“, o Município de Oleiros promove o 2.º Ateliê Temático de Cultura e Gastronomia, desta feita dedicado ao Fumeiro e às Sopas.

Agendada para o dia 24 de fevereiro, a atividade terá lugar na freguesia de Mosteiro e contará com o apoio daquela Junta de Freguesia, tendo como parceiros locais a Associação Recreativa e Cultural de Vale do Souto (ARCVASO) e o Grupo Maltez Desportivo do Mosteiro.

As inscrições decorrem até ao dia 16 de fevereiro e podem efetuar-se na Casa da Cultura de Oleiros, presencialmente ou por telefone (272 680 230).

Este segundo ateliê inicia-se pelas 8:30h, na povoação de Vale do Souto (junto do Museu “Maria Sala”) e arranca com um passeio pedestre interativo de cerca de 5,5 km, contemplando a visita a uma tradicional “cozinha de cabouco“, com degustação de produtos do fumeiro.

Pelas 12:30h, junto do Adro da Igreja Matriz de Mosteiro, terá lugar a recriação histórica “A vida monástica, agasalho e aconchego de viandantes e peregrinos“, a cargo da Companhia de Teatro Viv´Arte.

Os participantes inscritos poderão depois dirigir-se ao Pavilhão Gimnodesportivo de Mosteiro para participarem num almoço temático onde não faltarão a Sopa da Matança e os produtos do fumeiro, alimentos privilegiados na alimentação e aconchego dos romeiros de Santiago.

Recorde-se que a influência da Ordem de Malta naquela freguesia é evidente e que esta organização religiosa tinha como princípio assistir e proteger os pobres, doentes e peregrinos.

Também o topónimo da localidade nos remete para um antigo mosteiro que, segundo consta, ali existiu.

Por outro lado, é sabido que habitualmente o frio da época convida as gentes do Pinhal a prepararem o fumeiro, de onde saem produtos como os tão apreciados enchidos. As sopas são outra especialidade do Mosteiro, facto pelo qual anualmente se realiza a afamada Mostra de Sopas Tradicionais (este ano na sua 13.ª edição, agendada par o dia 6 de maio).

A atividade integra a ação municipal “Dez Freguesias, Dez Experiências”, enquadrada no projeto intermunicipal Beira Baixa Cultural, na categoria Ateliês Temáticos de Cultura e Gastronomia. Recorde-se que este é um projeto promovido pela Comunidade Intermunicipal e Municípios que a constituem, sendo cofinanciado pelo Fundo de Desenvolvimento Europeu / Portugal 2020.

Com esta iniciativa, o Município pretende, ao longo de 2 anos, percorrer as freguesias do concelho, divulgando a sua gastronomia, artes, ofícios e tradições, valorizando a sua matriz identitária.

A ideia passa por envolver toda a comunidade e assim dar um novo ânimo ao território. Desta forma oferecem-se experiências únicas e diferenciadoras, recorrendo à participação direta dos participantes ao longo dos vários ateliês.

O 3.º ateliê está já agendado para dia 31 de março, na freguesia de Oleiros-Amieira e dará destaque ao histórico Vinho Callum e ao Mel.

Sopas no Mosteiro (Oleiros)

Sopas no Mosteiro (Oleiros)

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Mosteiro com as tags , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *