“Haja saúde (e continuidade)” para a Freguesia de Oleiros

“Haja saúde (e continuidade)” para a freguesia de Oleiros

A Junta de Freguesia de Oleiros tem sido das juntas do concelho mais competentes, tem desenvolvido um trabalho bastante assinalável ao nível de proximidade com os seus fregueses, dinamização do comércio da freguesia e ação e intervenção social junto da população.

No que diz respeito ao desenvolvimento do comércio local, a Junta de Freguesia de Oleiros desde o primeiro ano que desenvolve concursos de dinamização entre comerciantes e população, através de vales postais cuja única utilização é na própria freguesia, tal como, desenvolveu a cooperativa do Callum, de forma a promover este produto endógeno tão prestigiado.

Das várias intervenções de “cimento e betão” denoto a mais importante: “Pelos Trilhos do Cabrito”, a tão aguarda limpeza das margens da ribeira e elaboração do percurso pedestre.

Ao nível de apoio às Associações, a Junta tem também uma iniciativa que considero das mais interessantes deste âmbito, a celebração anual dos “Santos Populares” com a exploração dos bares concedida a todas as Associações que tenham sede na Freguesia e que queiram participar.

Recordemos os períodos até 2013 onde não havia, em Oleiros, ocupação de tempos livres para crianças nas interrupções letivas do Natal e Páscoa, obrigando encarregados de educação a recorrer a dias de férias para acompanharem os seus filhos nestas pausas escolares, lacuna que veio a ser suprimida com bastante eficácia pela Junta de Freguesia de Oleiros.

A visão estratégica e noção das dificuldades da vivência no interior desertificado por parte do executivo da Freguesia de Oleiros não se fica por aqui, consciente da dificuldade de “dar novos mundos ao mundo” o mesmo reinventou os passeios sénior anualmente organizados numa ótica de inclusão de todos.

Contudo, o trabalho que considero mais fundamental levado a cabo por este executivo de freguesia é o projeto “Haja Saúde” por este ser um projeto de exceção!

Além dos rastreios que são desenvolvidos naqueles domingos, nos vários pontos da freguesia, este projeto torna-se um momento de convívio entre população e os decisores políticos, o que é imprescindível para a caracterização social da região.

Paralela e simultaneamente, com o projeto “haja saúde” a população tem espaço para solicitar apoio da freguesia no que toca a pedidos de levantamento de receitas médicas, transporte de medicamentos e falta de bens essenciais.

É impossível, mencionar em meia dúzia de linhas, todo o trabalho desenvolvido pelo executivo de freguesia, assim como o orgulho que sinto na sua ação.

Regozijo-me ao ter um Presidente como o Jorge Antunes, regozijo-me com a equipa que o acompanha.

Vê-los a dar tudo de si, “suor e lágrimas” (literalmente), pelo bem da freguesia, é de um altruísmo inexplicável.

É por isso que estou certo que “Há saúde e continuidade”!

João Tomaz

João Tomaz, Colunista do Jornal de Oleiros

  • Presidente da JS de Oleiros, Universitário, Sociologia

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Oleiros, Opinião com as tags , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *