Idanha-a-Nova reforça geminação com Condeixa-a-Nova

RELAÇÕES ECONÓMICAS, SOCIAIS E CULTURAIS

A Câmara de Idanha-a-Nova quer reforçar as relações económicas, sociais e culturais com Condeixa-a-Nova, no âmbito do acordo de geminação existente entre os dois municípios, foi hoje anunciado.

Idanha-a-Nova

Entre as afinidades que justificam as duas décadas de geminação estão a existência de um património arqueológico romano de relevo e o interesse pela figura de Fernando Namora que, sendo natural de Condeixa-a-Nova, exerceu clínica em Monsanto, Idanha-a-Nova.

Também o legado de Fernando Namora, cujo centenário de nascimento se assinala em 2019, irá manter-se como um dos principais elos culturais entre os dois municípios.

A aproximação institucional entre os dois municípios deverá fomentar o intercâmbio sociocultural e educativo entre ambas as comunidades e intensificar as suas relações económicas e empresariais“, refere o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, em comunicado.

O município de Idanha-a-Nova recebeu, no fim-de-semana, uma comitiva de Condeixa-a-Nova, distrito de Coimbra, no âmbito do acordo de geminação existente entre os dois municípios, que cumpre 20 anos em dezembro.

Condeixa-a-Nova

O encontro teve como objetivo o reforço da cooperação entre os dois municípios e a discussão de estratégias e metodologias para futuros projetos e parcerias.

A comitiva de Condeixa-a-Nova foi liderada pela vice-presidente da Câmara, Liliana Pimentel, e incluiu ainda representantes da Associação de Amizade, da Biblioteca Municipal, da Casa Museu Fernando Namora e de alunos do Curso Profissional de Técnico de Turismo da Escola Secundária Fernando Namora.

Liliana Pimentel referiu, durante o encontro, que a atividade turística “deverá passar a constituir uma das apostas mais importantes desta aliança“.

Segundo a autarca, “a oferta educativa ministrada na Escola Superior de Gestão de Idanha-a-Nova (ESG) e o dinamismo turístico do concelho raiano poderão representar uma oportunidade para o ensino superior dos jovens de Condeixa“.

*Jornal de Oleiros/Lusa
Esta entrada foi publicada em Autarquias, Destaques, Idanha-a-Nova. ligação permanente.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *