Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa adere à agência de energia MédioTejo21

PROENÇA-A-NOVA

João Paulo Catarino, presidente da CIMBB

A Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa (CIMBB) aderiu hoje formalmente à Agência Regional de Energia e Ambiente do Médio Tejo (MédioTejo21).

Esta agência tem trabalho feito, tem experiência e o que fizemos foi alargar a sua área de ação aos outros quatro municípios da CIMBB, numa perspetiva de rentabilizar meios, evitando a criação de estruturas pesadas“, disse à agência Lusa o presidente da comunidade.

João Paulo Catarino, que falava à margem da assinatura do protocolo de colaboração, que decorreu em Proença-a-Nova, explicou que os municípios de Proença-a-Nova e de Oleiros, ambos da CIMBB, já integravam a agência MédioTejo21.

A partir de hoje, os restantes quatro municípios (Castelo Branco, Vila Velha de Ródão, Idanha-a-Nova e Penamacor) passam também a usufruir dos serviços desta agência regional de energia e ambiente.

O presidente da CIMBB referiu também que no novo quadro comunitário de apoio a eficiência energética vai ter um papel muito importante.

Há medidas específicas para aumentar a eficiência energética e eventualmente para criar novas fontes de energia a partir de produtos endógenos. É importante estarmos bem assessorados e termos alguém especialista nestas matérias para nos ajudar a preparar os dossiês para nos candidatarmos a fundos comunitários“, concluiu.

A MédioTejo 21 foi criada em 2009 pela Câmara de Abrantes e estendeu depois a sua área de influência a toda a Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT) e aos concelhos de Proença-a-Nova e de Oleiros, que atualmente integram a CIMBB.

A agência tem como objetivo contribuir para a sustentabilidade energética e inovação na sua região de influência.

*Jornal de Oleiros/Lusa

Esta entrada foi publicada em Autarquias, Destaques. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *