Sondagem eleições europeias 2014

PARLAMENTO EUROPEU

A pouco mais de oito dias das eleições europeias a última projeção conhecida a nível de todos os 28 países que integram a União Europeia aponta para uma ligeira vantagem do Partido Popular Europeu (EPP) com 29,43% de intenções de voto e 221 parlamentares contra os 25,83% e 194 deputados do grupo Socialistas & DEmocratas (S&D). Uma diferença de 27 lugares que deixa ainda tudo em aberto quanto ao vencedor. Refira-se que esta previsão quanto às intenções de voto dos europeus foi obtida com base no dia 12 de maio. Constata-se assim que entre 3 e 12 de maio a evolução tem sido favorável ao EPP, já que no início deste período os Socialistas e os Democratas dispunham de uma ligeira vantagem de 3/4 deputados sobre os populares. Resta saber se a tendência se mantêm ou se inverte mais uma vez.

Baseando-se no estado atual da opinião pública nos Estados-Membros, o Parlamento Europeu e a empresa contratada TNS Opinion propõem uma projeção semanal da distribuição dos lugares no hemiciclo do Parlamento.

Metodologia

Esta projeção da repartição dos lugares no Parlamento Europeu é baseada numa recolha não-exaustiva de estudos europeus e nacionais semanais levados a cabo nos 28 Estados-Membros. Os lugares de cada partido em cada Estado-Membro são calculados de acordo com as leis eleitorais nacionais, o sistema de votação e o limite mínimo para a atribuição de mandato quando aplicável.

A projeção é baseada nos últimos estudos disponíveis em cada Estado-Membro, quando não existam mais de 14 dias entre eles, e apenas quando estejam disponíveis as datas do trabalho de campo. Quando não é possível o cálculo da média, apenas é considerado o último estudo europeu ou nacional disponível.

A projeção semanal baseia-se numa lista de estudos finalizados nos dias anteriores à sua publicação.

Esta entrada foi publicada em Destaques, Política, Política Internacional. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *