Associação A Raia/La Raya e rede Animar dão as mãos

FORMALIZADO EM OLIVENÇA

A associação A Raia/La Raya formalizou uma revisão estatutária que abre portas à sua inscrição como Organização Não Governamental (ONG) e resulta ainda na adesão à rede de desenvolvimento local Animar que, por sua vez, passa a integrar aquela associação transfronteiriça.

O processo permite a ambas as associações reforçar a cooperação ibérica e alargar a esfera de ação a projetos transnacionais com países de África e América Latina.

A parceria foi formalizada em Olivença, na passada quarta-feira, numa reunião dinamizada pelo Centro Municipal de Cultura e Desenvolvimento de Idanha-a-Nova (CMCD).

O CMCD é um dos mais de 100 associados da rede Animar e era até agora o único membro português de A Raia/La Raya, que tem sede em Espanha e passa a ser composta por nove associações de desenvolvimento local, sete espanholas mais o CMCD e a Animar.

Para o presidente do CMCD, João Carlos Sousa, o processo representa “um alargar de horizontes” para a Animar e para A Raia/La Raya. A associação transfronteiriça poderá agora inscreve-se como ONG e, desse modo, promover o desenvolvimento de projetos mais ambiciosos e mais abrangentes.

O presidente da Animar, Eduardo Figueira, destacou as potencialidades que advêm da cooperação com a associação A Raia/La Raya, no sentido da realização de projetos de desenvolvimento local nas regiões fronteiriças de Portugal e Espanha.

Esta entrada foi publicada em Economia, Idanha-a-Nova. ligação permanente.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *