Medelim celebra Páscoas Judaica e Cristã

IDANHA-A-NOVA

Uma festa duas culturas é o lema do evento Páscoas Judaica e Cristã que vai animar a freguesia de Medelim, concelho de Idanha-a-Nova, no fim-de-semana de 29 e 30 de março.

Cartaz dos festejos em Medelim

O certame, com características únicas, propõe um conjunto de atividades temáticas de carácter cultural e lúdico: colóquios e conferências, recriações históricas, animação musical e teatral, percursos pedestres, cozinha ao vivo, e mercado e tasquinhas de produtos kosher e regionais.

As festividades arrancam logo pela manhã do dia 29, com animação de rua proporcionada por Marlon Fortes e música medieval da banda Corna Lusa.

O programa prossegue com as jornadas do 2º Encontro Tejo/Tajo Vivo, na Casa de Medelim, às 9h45, dedicadas ao tema “Identidade territorial, desenvolvimento local e inovação”, uma iniciativa da ADRACES.

De tarde haverá várias recriações históricas de tradições judaicas e templárias, pela Companhia de Teatro Viv’Arte e pelo Núcleo Viv’Arte Templário.

É também à tarde que ocorrerá a inauguração de o Turismo em Espaço Rural, em Medelim. Esta unidade hoteleira surge da recuperação do antigo colégio São Bartolomeu, apresentando-se hoje como uma unidade de turismo rural de excelência e com características Kosher, colocando à disposição dos seus visitantes seis suites.

Para as 17h00 está marcada uma conferência sobre o património material e imaterial associado à presença da Ordem do Templo em Idanha-a-Nova, na Igreja da Misericórdia de Medelim e a partir das 18h00 haverá um live cooking de cozinha judaica e cristã.

O dia termina com um concerto de Mor Karbasi, cantora sefardita de origem israelita.

O domingo começa com o percurso pedestre judaico-cristão “Rota dos Balcões”, seguindo-se a abertura dos mercados judaico (produtos kosher) e cristão, ao som de grupos de música sefardita e medieval.

Pelas 11h00 arranca o colóquio “Uma Festa, Duas Culturas”, que conta com personalidades de reconhecido valor em matéria de cultura judaica e cristã.

A partir das 15h00 decorrem vários momentos de recriação histórica e teatralização, pela Viv’Arte, e um espetáculo de cetraria.

O programa termina com um concerto do grupo Melech Mechaya, às 17h00. Este quinteto português toca música klezmer, tradicionalmente judaica, com inspiração nas músicas árabe e dos balcãs.

Esta entrada foi publicada em Destaques, Idanha-a-Nova. ligação permanente.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *