InovCluster esteve no lançamento de rede de cooperação

NO PAVILHÃO DO CONHECIMENTO EM LISBOA

Grupo após assinatura do protocolo

Decorreu no passado dia 5 de Março no Pavilhão do Conhecimento no Parque das Nações em Lisboa, o evento PORTUGALclusters onde foi feito o lançamento da rede de cooperação, iniciativa com a finalidade de explorar as sinergia e projetos em áreas de interesse comum ligadas à inovação, internacionalização e competitividade das entidades das diferentes cadeias de valor. Visa ainda coordenar estas atividades de interesse estratégico e contribuir para o desenvolvimento económico nacional de forma concertada, informando periodicamente os esforços e conquistas ao governo português, bem como, promover atividades de formação sobre clusterização e contribuir para a divulgação e relações internacionais dos Clusters portugueses e seus membros.

Desde 2010 que os Polos e Clusters se reúnem de forma periódica e informal para discutir problemas operacionais comuns e projetos e iniciativas conjuntas, com a finalidade de potenciar espaços de inovação e competitividade das diferentes cadeias de valor, experiências e conhecimentos entre Clusters, contribuir para o esforço de desenvolvimento económico nacional, entre outras áreas de interesse comum.

Após 3 anos de reuniões e encontros conjuntos decidiu-se formalizar e partilhar esta disposição de trabalhar em conjunto para com os Associados de cada um, as entidades institucionais e com a sociedade civil.

José Freitas

Sob o olhar atento de quase 200 pessoas, para além da assinatura formal do Acordo de Parceria, a sessão contou com a participação de um perito europeu em Clusters de competitividade, Alberto Pezzi, de um perito da DG Enterprise, José Freitas e, ainda, do Secretário de Estado da Inovação, Investimento e Competitividade, Dr. Pedro Gonçalves.

Alberto Pezzi, conhecido especialista Internacional, demonstrou a importância Estratégica dos Clusters como instrumento ativo de Competitividade, baseado  na experiencia de Sucesso da Catalunha  e nas fortes expectativas positivas suscitadas pelo exemplo de cooperação Portuguesa.

José Freitas, responsável da Comissão Europeia, reforçou o apoio concreto do próximo período financeiro para o desenvolvimento das estratégias de Clusters, com enfoque no Programa Cosme e em ações de parceria bilateral com países como o Brasil.

O Secretário de Estado da Inovação, Investimento e Competitividade, Dr. Pedro Gonçalves, reconheceu que a iniciativa PORTUGALclusters é fundamental e que o Ministério da Economia a apoia, salientou a importância e a oportunidade da iniciativa e o envolvimento ativo que o governo coloca no segundo ciclo de clusterização.

Pedro Gonçalves

O Secretário de Estado reforçou ainda o papel dos Clusters na perspetiva da cadeia de valor, conjugando estas Estratégias de Eficiência Coletiva com outros parceiros por forma a potenciar entre outros, as exportações, o emprego e a articulação entre o mundo empresarial e científico.

É fundamental avançar com o segundo processo de reconhecimento que permita consubstanciar as diretrizes para os próprios Clusters ao nível do quadro comunitário.

Aderiram a esta iniciativa 16 dos 19 Polos e Clusters reconhecidos onde se inclui a InovCluster – Cluster Agroindustrial do Centro.

A InovCluster conta atualmente com 148 associados dos quais são 112 empresas,  dinamizou durante os últimos quatro anos relações de complementaridade entre os vários intervenientes do setor agroindustrial, com especial enfoque no desenvolvimento de novos produtos, no acompanhamento de tendências e inovação, no apoio ao nível da imagem e divulgação e na internacionalização e que servirá, também, para enfrentar o desafio 2014-2020 com um esforço coletivo.

O evento terminou com a degustação de produtos de excelência dos associados da InovCluster.

Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Destaques, Economia. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *