Portugal no Campeonato do Mundo 2014

Portugal no Campeonato do Mundo 2014

A Selecção Nacional de Portugal venceu esta terça-feira, dia 19 de Novembro, a Suécia por 3-2, num encontro a contar para a segunda-mão do play-off de acesso ao Mundial 2014, garantindo assim um lugar na fase final da competição, que se irá realizar no Brasil no próximo ano.

Depois de uma vitória por 1-0 no encontro da primeira mão realizado no Estádio da Luz com um golo de Cristiano Ronaldo, o capitão da equipa das quinas foi novamente decisivo ao marcar os três golos na vitória contra os suecos.

Num jogo de muitos nervos, principalmente na segunda parte, altura em que a equipa da Suécia esteve a vencer por 2-1, Portugal conseguiu unir-se e dar a volta ao resultado, conseguindo assim o apuramento.

Ronaldo para além de ter marcado três golos igualou também Pedro Pauleta na lista dos melhores marcadores da Selecção Nacional de todos os tempos.

No final do encontro Cristiano Ronaldo mostrou-se visivelmente satisfeito com o apuramento para o Mundial no Brasil.

“Fiz o meu trabalho, como tenho vindo a fazer, na selecção ou no clube. Não tenho de responder a ninguém. Tento dar o meu melhor. Conseguimos o objectivo, estamos de parabéns pelo o que fizemos, depois de termos batalhado e sofrido”.

O craque do Real Madrid comentou também o facto de ter igualado Pauleta no topo dos melhores marcadores: “Como já disse, os recordes são para ser batidos. Não é prioridade bater o Pauleta. Sabia que ia acontecer naturalmente. O meu foco é ajudar a selecção. Sabia que Portugal precisava de mim e mostrei que estou presente.”

O selecionador nacional, Paulo Bento, também se mostrou muito satisfeito com o apuramento e sublinhou que os resultados de futebol foram justos, e que Portugal tinha merecido o apuramento pelo que tinha feito nos dois jogos com os suecos.

“Demonstrámos que jogamos melhor quando estamos mais pressionados do que quando estamos em vantagem. Até ao 1-0 não tivemos problemas e na primeira parte dominámos, ainda que nos primeiros 30 minutos não tenhamos conseguido jogar no último terço do campo. Depois do golo, sofremos dois de bola parada mas conseguimos responder da melhor maneira. Vitória justíssima”.
* David Simples, Correspondente de Desporto do Jornal de  Oleiros em Inglaterra

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Oleiros. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *