O grande problema é já de Regime?

Urna de votos

Vários problemas defronta o país

Solvência, capacidade de crescimento, demografia e interesse em Eleições, qual deles o pior?

Na verdade todos são maus e não pressagiam nada de bom.

Centremo-nos nos votos.

Nas Autárquicas 2013 em termos globais, a Abstenção foi de 47,04%, os Brancos de 3,87 e os Nulos de 2,95 no total de 53,86%…!!!!

Quando se diz nestas Eleições que um candidato venceu com 50%, que quer isso dizer?

É bom que se pense nesta matéria enquanto ainda há tempo…

Pior nos centros urbanos Mas a abstenção atingiu valores impressionantes nos principais centros urbanos, com destaque para os distritos de Lisboa, Setúbal e Faro. O distrito de Lisboa, onde António Costa arrebatou uma vitória sem precedentes para o PS, teve 55,49% dos eleitores ausentes das mesas de voto. Setúbal foi outro dos distritos negros. Quase seis em cada dez eleitores não quiseram contribuir para as contas autárquicas, isto é, uma percentagem de 60% de abstencionistas. E em Faro a abstenção chegou aos 52,5%.

PF

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Política. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *