Casa da Comarca da Sertã presente no Festival do Maranho e do Bucho

“Casa da Comarca da Sertã na 3ª edição do Festival do Maranho e do Bucho”

Stand da CCSertã

Terminou a 3ª edição do Festival do Maranho e do Bucho, iniciativa organizada pela Câmara Municipal da Sertã e que contou com a participação das diversas Juntas de Freguesia do concelho, bem como de diversas associações que desenvolvem a sua acção em prol do município, nomeadamente a Casa da Comarca da Sertã (CCS), que participou pela primeira vez com um stand próprio.

Inaugurado por José Farinha Nunes, Presidente do Município da Sertã, por Carlos São Martinho, Deputado à Assembleia da República por Castelo Branco, e por Pedro Machado, Presidente do Turismo Centro de Portugal, a Alameda da Carvalha recebeu entre 5 e 7 de Julho mais uma edição deste festival de gastronomia que é já uma referência a nível nacional, este ano inserido nas comemorações dos 500 anos do Foral Manuelino da Sertã.

Personalidades no Stand

No nosso espaço expositivo, gentilmente cedido pela Câmara Municipal e pelo qual passaram diversos sócios da CCS, foram disponibilizados diversos materiais promocionais dos concelhos de Oleiros, Proença-a-Nova, Sertã e Vila de Rei, bem como do município de Mação, e os visitantes puderam adquirir diversas obras literárias a preços de feira, entre as quais destacamos “A Santa Casa da Misericórdia de Proença-a-Nova”, “Sertanense: 75 Anos de História” e “Vilar dos Condes – A terra e a sua gente”, “Os Mendes Barata da Longra”, “Nuno de Santa Maria – Fragmentos de Memória Persistente” e “Villa d’El Rey”.

O serviço de restauração (Maranhos, Bucho e Sopa de Peixe Dona Helena) esteve a cargo da empresa Santos & Marçal, sócio colectivo da CCS, tendo as confrarias do leitão da Bairrada e do bacalhau participado a convite do município da Sertã. Do extenso programa musical, destacamos naturalmente o concerto de encerramento, a cargo dos sertaginenses PopXula.”

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Sertã com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *