Ana Rita Calmeiro com campanha inédita em Castelo Branco

Por cada euro gasto na campanha,

uma hora de voluntariado para a cidade e para os albicastrenses

As campanhas políticas são caras, aborrecidas, inúteis e fechadas a grupos muito definidos de pessoas. Essa é uma das razões pelas quais a política tem sido, com razão, criticada.

Ana Rita Calmeiro, a candidata do Partido Social Democrata à Junta de Freguesia de Castelo Branco, quis marcar a sua campanha por uma clara diferenciação, procurando fazer com que os albicastrenses se sintam constantemente bem-vindos a participar no movimento Nova Energia e essa participação possa ter um resultado visível favorável para toda a comunidade.

Segundo a candidata “envolver a comunidade não é organizar mega jantares que custam milhares de euros e são apenas a confirmação de que a máquina partidária está bem oleada. Estimular o interesse das pessoas sobre a sua cidade, sobre o seu bairro, sobre o seu vizinho é um trabalho muito mais difícil, mas sem dúvida mais gratificante pois estamos certos de que vamos conseguir transmitir a ideia de que os órgãos políticos são uma casa comum de todos os cidadãos e em nossa casa gostamos de poder fazer bem feito e poder dizer o que pensamos”.

A Campanha da Nova Energia além das acções tradicionais de campanha, organizará eventos de voluntariado a que os albicastrenses poderão juntar-se para melhorar a sua vida na cidade seja, por exemplo, na organização de um evento de solidariedade, no apoio a uma associação, na visita e no acompanhamento de idosos ou até na recuperação de um jardim que precise de ser devolvido às pessoas. Na base desta atitude está a visão de que uma cidade se constrói com muito mais do que apenas tijolos e cimento, constrói-se com e para os seus habitantes.

“Este trabalho vai ser feito por nós, em conjunto com todos os que queiram participar, com empenho e alegria. A grandeza da política tem muito que ver com a humildade dos políticos. Geralmente o que vemos são muitas vaidades e poucas actividades”, afirma a advogada albicastrense.

Em consonância com este objectivo, a equipa da Nova Energia decidiu promover uma hora de trabalho voluntário por cada euro gasto na campanha, assim devolvendo aos albicastrenses, em valor, o dinheiro recebido para financiar a campanha. “Esta decisão está totalmente alinhada com os nossos princípios e com o rigor democrático que nos imporemos sempre. Nunca foi feito, mas esperamos que inspire outras campanhas, pois quem ganha somos todos”.

Ana Rita Calmeiro

Através da página da Nova Energia no Facebook ou nos eventos que vão decorrer no mês de Julho, a equipa espera o contributo de todos e aguarda que os albicastrenses apontem onde podemos, com a ajuda de todos, melhorar a forma como convivemos na cidade.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Destaques. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *