Ajidanha incrementa actividade

Estreias previstas para Maio

Ajidanha ensaia nova peça de teatro

A Associação de Juventude de Idanha-a-Nova, Ajidanha, está a desenvolver diversas actividades culturais, destacando-se a preparação de uma nova produção teatral que prevê estrear em Maio. É também neste mês que pretende apresentar publicamente o espectáculo “O rapaz de bronze”, englobado no projecto “Gente Raiana”, desenvolvido em parceria com Centro Municipal de Cultura e Desenvolvimento de Idanha-a-Nova e a Escola Básica da Zebreira.

“O rapaz de bronze” é a criação de uma peça de teatro dirigida aos alunos da Escola Básica da Zebreira, do Agrupamento de Escolas do concelho de Idanha-a-Nova, envolvendo os alunos do 1.º ao 4.º ano, que resulta de uma adaptação, encenação e representação do conto de Sophia de Mello Breyner Andresen.Com esta representação e criação artística, a Ajidanha pretende dar continuidade através deste projecto à sua missão e objecto social com o público mais jovem do concelho, promovendo um primeiro contacto com as artes cénicas às crianças envolvidas no projecto, impulsionar o envolvimento cultural de uma população sem hábitos culturais e com contextos socioculturais bastante específicos bem como a revitalização da própria associação. As crianças envolvidas no projecto terão a possibilidade de  experimentar todo o processo de montagem e criação de um espectáculo bem como a sua apresentação e representação pública. A encenação deste trabalho está a cargo de Bruno Esteves, sendo que os ensaios decorrem semanalmente às segundas, terças e sexta.

Saliente-se ainda que no âmbito do projecto “Gente Raiana”, a Ajidanha também apresentou, o “Chá das Cinco”, uma iniciativa desenvolvida em parceria com a Terceira Pessoa, que decorreu no Lar da 3.ª idade da Zebreira. Este  projeto propôs a experimentação de um processo comunitário e artístico com um grupo de idosos do lar dessa localidade. Pretendeu-se promover junto deste público um clima de troca de experiências e de partilha de memórias, em que tudo foi orientado com o objetivo de preparar um evento aberto à comunidade local, que culminou no passado dia 23 de Março com uma actividade de encerramento que teve lugar no Centro Cultural de Bem Estar Social da Zebreira, seguindo-se um lanche convívio.

“Teatro do gesto” foi também um atelier que esta Associação desenvolveu recentemente e que permitiu aos formandos abordar o lado puramente físico e experimental das personagens, procurando os comportamentos destas através dos gestos que surgiam. Possibilitou também aos participantes explorar os arquétipos e as convenções neles existentes, caracterizando as personagens, não através do estado de alma ou de características psicológicas, mas através dos comportamentos físicos. Assim, criou-se uma cumplicidade entre as formas de improvisação, a gestualidade e a comunicação não verbal. Os formadores foram o actor, encenador e director artístico José Carlos Garcia e a actriz Nádia Santos. Este atelier, serviu de arranque para a nova produção teatral que a Ajidanha se encontra actualmente a desenvolver, uma adaptação do texto “Em alto mar”, de Slawomir Mrozek, com encenação de José Carlos Garcia, assistência de encenação de Nádia Santos e a interpretação de Ana Grilo, Bruno Esteves e Rui Pinheiro.

Para mais informações, consulte www.ajidanha.com ou através do blog da associação www.ajidanha.blogspot.com.

Ajidanha

 

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques, Idanha-a-Nova. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *