Geoparks entre os galardoados com o Prémio “Best Exhibitor Award 2013”

Na maior Feira de Turismo do Mundo – ITB Berlim

Os Geoparques encontram-se entre os mais inovadores e criativos destinos turísticos do mundo. Num mercado de 6,5 biliões de dólares e 260 milhões de empregos, o uso sustentável do património geológico e das paisagens culturais através de um turismo responsável é visto pelos especialistas como uma alternativa ganhadora a nível de marketing territorial. A justificar esta afirmação está o 3º lugar obtido nos “Best Exhibitor Award 2013”, na maior Feira de Turismo do mundo, que terminou este domingo em Berlim. Organizado pelo Geopark Naturtejo da Meseta Meridional, o primeiro geoparque português reconhecido pela UNESCO, e representando a Rede Global de Geoparques, composta por 92 territórios reconhecidos em 26 países espalhados por quase todos os continentes, o stand Geoparks “milhões de anos, a experiência de uma vida” foi aclamado na gala que decorreu no Palais Funkturm para 600 participantes, entre ministros, responsáveis pelo turismo dos mais variados países e participantes na ITB. A avaliação realizada pela prestigiada Cologne Business School a mais de 10.000 stands representativos de 188 países e distribuídos por 160.000 m2 e 26 pavilhões, atribuiu prémios em 11 categorias. A parceria gerida pelo Geopark Naturtejo, no stand Geoparks, foi bem representativa de um diálogo intercultural à escala da Europa, com representantes dos geoparques TERRA.Vita, Harz.Brunschweiger Land.Ostfalen e Vulkaneifel (Alemanha), Rokua (Finlândia), Bohemian Paradise (Rep. Checa) e Cuesta Vasca (Espanha). Estes geoparques apresentaram o que melhor tinham a oferecer aos seus potenciais turistas e profissionais do sector: o Geopark Naturtejo trouxe as célebres adufeiras de Idanha-a-Nova, o reconhecido chéf Mário Ramos e uma cake designer para preencher de sons e aromas da mais genuína e original cultura portuguesa o pavilhão “Turismo Responsável e de Aventura”. Espectaculares fósseis verdadeiros ao alcance de todos (só para tocar!), uma mostra de produtos locais da mais alta qualidade (com prova) e uma performance de videoarte especialmente desenvolvida pelo paleontólogo (e artista) italiano Andrea Baucon tornaram o stand Geoparks um espaço de muitas sinergias. Vale a pena salientar a presença por três dias do Chefe do Observatório Global da Terra da UNESCO, Prof. Patrick McKeever e a visita de altos signatários da Turquia, India, Indonésia, Bulgária, Cazaquistão, Gabão, Uganda, assim como responsáveis políticos de regiões e municípios alemães, os quais se mostraram interessados em conhecer e reproduzir algumas das boas práticas desenvolvidas pelos geoparques em termos de oferta turística e desenvolvimento de produtos a partir de recursos endógenos. É de referir que o stand de Portugal recebeu uma menção pelo 6º lugar obtido na sua categoria. Mais de 172.000 profissionais e público visitaram a ITB Berlim, aquela que é para muitos considerada a referência das tendências para o Turismo Mundial, entre os dias 6 e 10 de Março. Como resultado imediato em Maio a Naturtejo vai receber uma educacional de jornalistas e operadores turísticos alemães. 

Naturtejo

Mais informação: http://www.cbs-bea.com/en/winners/2013/

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Comunidades, Destaques, Economia. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *