Responsabilidade e consciência social, por Carlos Fernandes

Responsabilidade e consciência social

No decorrer desta semana, em franco diálogo com a coordenadora de licenciatura de uma Instituição de ensino Superior , afirmei que o mesmo era desprovido de consciência social ,o que provocou algum incómodo e sensação de mal estar, como devem calcular não foi minha intenção, mudar nada, mas tão só apelar para que as diversas situações fossem observadas de  modo diferente. pois o Homem  é a sua circunstância

O ser humano é constitutivamente um ser social. Fazemo-nos uns aos outros, genética e culturalmente. Procedemos de humanos e tornamo-nos humanos com outros seres humanos .

Carlos Fernandes

O que somos somo-lo na cooperação de muitos de todos. Isto é a sociedade, no quadro de divisão de tarefas de carismas de esforços em comum. Quando se olha para o presente  estado do país , percebe-se que até a própria democracia , não é uma aquisição definitiva.

Sendo que responsabilidade social é obrigação não é vocação. A responsabilidade social é algo que a Instituição pratica objectivando geralmente resultados , na área de marketing na área financeira , recursos humanos etc..e caso não sejam alcançados , não haverá qualquer compromisso com a continuidade das acções . Já consciência social induz que as instituições promovam acções de cunho social, de interesse colectivo.

Consciência é a percepção do contexto. As instituições precisam ver o mundo sobre a óptica do próximo: precisam  despertar a consciência para as necessidades dos demais componentes  do mundo em que se vive; alunos , funcionários, professores, comunidade etc..

Ora isto deve começar em casa , já que uma Instituição que não tenha consciência das necessidades dos seus alunos ,funcionários , professores etc..não terá certamente consciência social, pois esta por facilidade, evolui do próximo para o distante.

Citando “Manuel da Fonseca “ Um homem só não vale nada, gostaria de acrescentar que também ninguém é feliz sozinho

Bem hajam

Carlos Fernandes

 

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Destaques com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *