Oleiros foi surpreendida ontem com crime cometido em Proença-a-Nova

Com efeito, Inês Cardoso, de 22 anos, boa estudante, passava uns dias em Proença-a-Nova com a mãe e o padrasto quando as coisas não correram bem.

A Mãe, Cecília, funcionária da Santa Casa ainda procurou ajuda fugindo de casa, mas, o homícida foi ao quarto de Inês e feriu-a de morte com três facadas.

Carlos Ribeiro, sentado na estrada estava consciente e pedia ajuda para chamarem a ambulância, dizia que a jovem poderia ainda estrar viva.

Depois telefonou a um amigo para lhe tomar conta  do cão e entregou-se á GNR.

 Família normal, tudo bem, dizia a vizinhança. surpreendida.

Na verdade, Carlos Ribeiro já havia feito um tratamento anti-alcoolismo e recuperado o emprego que tinha perdido por esse motivo.

A jovem era boa estudante e vai hoje a enterrar tendo o velório ocorrido nesta noite.

Cecília a mãe, tinha mais um filho que residia com o pai em Oleiros.

Tinha estado a beber toda a noite este serralheiro de 37 anos…

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009.
Esta entrada foi publicada em Oleiros, Proença-a-Nova com as tags . ligação permanente.

Uma Resposta a Oleiros foi surpreendida ontem com crime cometido em Proença-a-Nova

  1. ana cristina diz:

    Conheço bem a Mãe e conheci a jovem Inês. Será possível saber quando é o funeral? Agradecia. Atentamente, Ana Cristina

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *